O que o brasileiro pensa?
06 de julho de 2020, 07h50

“Insana”, diz Barry Eichengreen sobre política de Bolsonaro contra coronavírus

Professor de Economia e Ciência Política da Universidade da Califórnia e um dos mais respeitados acadêmicos de Relações Internacionais diz que Brasil e EUA estão dando às piores respostas à pandemia e afugentam investidores europeus e asiáticos

Fabio Wajngarten atrás de Trump durante encontro do presidente dos EUA com Bolsonaro (Alan Santos/PR)

Professor de Economia e Ciência Política da Universidade da Califórnia, em Berkeley, e um dos mais respeitados acadêmicos na área de relações internacionais, Barry Eichengreen resumiu em uma palavra sua avaliação sobre a política de Jair Bolsonaro para controle do Coronavírus: “Insana”.

Em entrevista ao jornal Valor Econômico, Eichengreen disse ainda que a reabertura do comércio em meio à pandemia, tanto no Brasil quanto nos Estados Unidos, vai retardar ainda mais a retomada econômica nos dois países.

“Cidades e Estados podem ter que fechar de novo. Os consumidores ficam relutantes de comprar e gastar com o vírus se espalhando rapidamente. As empresas não serão capazes de fazer e implementar planos de investimento em face dessa incerteza. A carga sobre a saúde pública será imensa”, afirmou.

Para Eichengreen, Brasil e EUA estão dando às piores respostas à pandemia e afugentam investidores europeus e asiáticos.

“A resposta à pandemia é provavelmente pior nos EUA e no Brasil do que em qualquer outro país. Os dois países também estão numa corrida no momento para ver quem tem as piores políticas ambientais. Quem imaginaria isso? O resto da sua pergunta responde a si mesma: esses não são lugares onde investidores europeus e asiáticos criteriosos vão querer investir”.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum