Fórumcast, o podcast da Fórum
02 de maio de 2019, 17h12

Justiça da Venezuela manda prender o líder oposicionista Leopoldo López

Ex-deputado, que cumpria prisão domiciliar desde 2017, foi "libertado" durante a tentativa de golpe liderada por Juan Guaidó mas, diante do fracasso do levante, pediu asilo político na embaixada da Espanha em seu país

Reprodução

Dois dias após a tentativa fracassada da oposição de derrubar o presidente Nicolás Maduro, o Tribunal Supremo de Justiça (TSJ) da Venezuela determinou, nesta quinta-feira (02), a prisão do ex-deputado Leopoldo López. Em prisão domiciliar desde 2017, o líder oposicionista foi  “libertado” na última terça-feira (30) em meio a intentona golpista liderada pelo deputado Juan Guaidó, que se “autoproclamou” presidente interino do país.

“O 5º Tribunal de Primeira Instância da aérea metropolitana de Caracas revogou a medida de prisão domiciliar do cidadão Leopoldo López por violá-la flagrantemente”, diz nota divulgada pelo TSJ. A decisão da Justiça venezuelana prevê que López volte a cumprir sua pena de 13 anos de prisão na cadeia.

Leia também
Fundador da Blackwater estaria formando “exército privado” para derrubar Maduro

“É um feito público, notório e comunicacional a violação por parte de Leopoldo López da medida de prisão domiciliar”, informou o tribunal.

O ex-deputado, que andou normalmente pelas ruas em meio às manifestações convocadas por Guaidó contra o governo de Maduro, pediu asilo político na embaixada da Espanha em seu país ao constatar que os planos da oposição haviam fracassado.

Ele havia sido condenado à prisão em 2015 por envolvimento em atos violentos que causaram 43 mortes decorrentes dos protestos antigoverno realizados em 2014.

*Com informações do Opera Mundi 


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum