Fórumcast, o podcast da Fórum
18 de abril de 2019, 08h12

Líder do PSL, Major Olímpio satiriza suicídio de Alan Garcia: Tomara que moda pegue no Brasil

Ex-presidente do Peru se matou com um tiro na cabeça diante de ordem de prisão sobre suposto recebimento de propina em obras da construtora brasileira Odebrecht no país

Major Olímpio, Bolsonaro e Eduardo Bolsonaro (Reprodução/Youtube)

Líder do PSL, partido de Jair Bolsonaro, no Congresso, o senador Major Olímpio (PSL/SP) satirizou o suicídio do ex-presidente do Peru, Alan Garcia, que se matou com um tiro na cabeça nesta quarta-feira (17) antes de receber ordem de prisão sobre suposto recebimento de propina em obras da construtora brasileira Odebrecht no país.

“O ex presidente do Peru se suicidou ao ser preso. Tomara que está moda pegue aqui no Brasil. Seria uma grande economia para o pais”, tuitou o senador.

Alan García morreu nesta quarta-feira (17) cerca de três horas depois de ter atirado contra a própria cabeça diante de uma ordem de prisão preventiva sob a acusação de ter recebido propina da construtora brasileira Odebrecht.

García governou o país por dois mandatos, o último de 2006 a 2011. A investigação sobre subornos da Odebrecht no Peru envolve também os ex-presidentes Alejandro Toledo (2001-2006), Ollanta Humala (2011-2016) e Pedro Pablo Kuczynski (2016-2018). Todos estão sob investigação do Ministério Público peruano. Kuczynski foi preso preventivamente por dez dias no início deste mês.

Policial militar paulista, Major Olímpio é um dos parlamentares mais próximos de Jair Bolsonaro, mas vem se afastando do governo por críticas à “pauta única” da reforma da Previdência.


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum