Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
07 de janeiro de 2020, 10h34

Michael Moore lamenta violência de Trump em tuíte em persa aos iranianos

"Lamento profundamente a violência em nosso nome por um homem que a maioria dos americanos nunca votou", tuitou o cineasta em mensagem endereçada aos iranianos

O cineasta estadunidense Michael Moore (Reprodução)

Um dos maiores críticos da política externa – e também interna – dos Estados Unidos, o cineasta Michael Moore foi às redes sociais nesta terça-feira (7) e em tuíte em persa, aos iranianos, lamentou a violência de Donald Trump, que autorizou ataques que resultaram no assassinato do general Qassem Soleimani, comandante da Guarda Revolucionária Islâmica, causando grande comoção no país.

“Senhor, lamento profundamente a violência em nosso nome por um homem que a maioria dos americanos nunca votou. Evite energia. Um homem sincero, Michael Moore, um cidadão americano”, diz o tuíte, na tradução do próprio aplicativo.

Nesta sexta-feira (3), após o ataque de Donald Trump que matou Soleimani, Moore foi às redes criticar a ação e lançar um alerta aos estadunidenses.

“Olá amigos Americanos. Vocês conhecem este homem? Vocês sabiam que ele era seu inimigo? O que? Nunca ouviu falar dele? Até o final do dia de hoje você será treinado a odiá-lo. Você vai ficar feliz que Trump mandou assassiná-lo. Você vai obedecer. Se preparem para mandar seus filhos e filhas para a guerra”, escreveu.

Notícias relacionadas


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum