Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
15 de fevereiro de 2020, 21h45

Milhares de manifestantes saem às ruas na Alemanha contra “acordos” com extrema direita

Alemães usaram o lema "Não aos pactos com os fascistas: Nunca e em lugar nenhum!" para protestar contra a ascensão de políticos extremistas no país

Manifestantes na Alemanha (Reprodução/YouTube)

Milhares de manifestantes foram às ruas em Erfurt, capital do estado alemão da Turíngia, neste sábado (15) contra a ascensão da extrema direita na região. A revolta entre os alemães aumentou após a eleição do representante da região, o liberal Thomas Kemmerich.

Kemmerich foi eleito na quarta-feira (5) graças aos votos da direita conservadora e da extrema direita, o que gerou manifestações em todo o país. Diante dos protestos, o candidato do pequeno partido liberal FDP renunciou 24 horas após a sua eleição por uma estreita margem. No entanto, para os organizadores da manifestação, o estrago já estava feito.

“Esta eleição marca o fim de um tabu”, disse à imprensa alemã Maximilian Becker, porta-voz da aliança. “Queremos mostrar que o que acontece na Turíngia não ficará sem resposta.”

Os manifestantes se reuniram ao meio-dia no centro da cidade sob o lema “Não aos pactos com os fascistas: Nunca e em lugar nenhum!”. O ato foi organizada por ONGs, artistas, sindicalistas e autoridades políticas, reunidos na aliança “Unteilbar” (indivisível) e apoiados por movimentos como Fridays for Future e Bund.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum