Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
14 de julho de 2019, 22h39

Nos EUA, republicano impede que jornalista cubra campanha eleitoral por ser mulher desacompanhada

Segundo Larrison Campbell, assessores de Robert Foster alegaram que "a imagem do candidato com uma mulher, mesmo um repórter trabalhando, poderia ser usada em uma campanha de difamação para insinuar um caso extraconjugal"

A jornalista Larrison Campbell (Reprodução/Twitter)

Uma repórter foi impedida de viajar desacompanhada para cobrir uma campanha eleitoral no Mississipi (EUA). O candidato republicano Robert Foster, que pleiteia o cargo de governador do estado americano, se recusou a viajar com Larrison Campbell. Só mudaria de ideia se ela fosse junto com um colega do sexo masculino.

Inscreva-se no nosso Canal do YouTube, ative o sininho e passe a assistir ao nosso conteúdo exclusivo

Segundo a jornalista, alegaram que “a imagem do candidato com uma mulher, mesmo um repórter trabalhando, poderia ser usada em uma campanha de difamação para insinuar um caso extraconjugal”. A recusa desencadeou inúmeras críticas ao candidato nas redes sociais nos últimos dias.

A campanha teria afirmado que “não poderia arriscar” e a repórter foi barrada na viagem que duraria cerca de 15 horas. “Meu editor e eu concordamos que o pedido era sexista” e decidiu não ceder, disse a jornalista.

Foster se defendeu no Twitter: “Como eu esperava, a esquerda liberal perdeu a cabeça sobre o fato de eu escolher não ficar sozinho com outra mulher. Eles não podem acreditar que, mesmo em 2019, alguém ainda valoriza seu relacionamento com sua esposa e defende sua fé cristã”.

O comportamento do candidato de direita se assemelha ao posicionamento do vice-presidente Mike Pence, que já revelou que não faria uma refeição sozinho com uma mulher que não fosse sua esposa.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum