sexta-feira, 30 out 2020
Publicidade

OMS declara que mundo vive pandemia de Coronavírus

A Organização Mundial de Saúde (OMS) declarou que o mundo vive uma pandemia de Coronavírus nesta quarta (11). De acordo com o mais recente balanço do órgão, há mais de 118 mil casos em 114 países e 4.291 pessoas morreram.

“A descrição da situação como uma pandemia não altera a avaliação da OMS da ameaça representada por esse vírus. Isso não muda o que a OMS está fazendo nem o que os países devem fazer”, disse Tedros Adhanom Ghebreyesus, diretor-geral da OMS.

Segundo a organização, contaminações, mortes e números de países atingidos devem aumentar.

O diretor-executivo do programa de emergências da OMS, Michael Ryan, ressaltou que a declaração não significa que a OMS vá adotar novas recomendações no combate ao vírus.

“A declaração de uma pandemia não é como a de uma emergência internacional – é uma caracterização ou descrição de uma situação, não é uma mudança na situação. (…) “Não é hora para os países seguirem apenas para a mitigação”, disse, sobre a estratégia de saúde pública que busca sobretudo cuidar dos doentes e públicos prioritáios.

De acordo com Tedros, os países precisam preparar respostas em áreas chaves: detectar, proteger, tratar, reduzir a transmissão, inovar e aprender.

Perguntado pelos jornalistas se há recomendação para fechar escolas e fronteiras, o diretor-executivo do programa de emergências da OMS, Michael Ryan, avaliou que essas decisões têm sido tomada com base na avaliação de risco dos países.

De acordo com ele, países com número menor de casos não alcançarão grande impacto com medidas de isolamento social.

Redação
Redação
Direto da Redação da Revista Fórum.