Ouça o Fórumcast, o podcast da Fórum
09 de outubro de 2019, 16h55

Revista Time coloca Raoni como um dos favoritos ao Nobel da Paz

Para a revista norte-americana, uma das mais influentes do mundo, o líder indígena brasileiro é um entre os seis candidatos com mais chances de levar Prêmio Nobel da Paz nesta sexta-feira

Foto: Arquivo/EBC

A revista estadunidense Time, considerada uma das mais influentes do mundo, divulgou no início desta semana uma matéria em que aponta aqueles que considera os candidatos favoritos para ganhar o Prêmio Nobel da Paz 2019, que será divulgado nesta sexta-feira (9). A publicação listou seis nomes, entre as 301 indicações, sendo 223 pessoas e 78 organizações que estão concorrendo, que teriam mais chances de levar o prêmio, e entre eles está o líder indígena brasileiro cacique Raoni Metuktire.

Na descrição do perfil do brasileiro, a Time destacou as críticas que Raoni vem fazendo à política ambiental do presidente Jair Bolsonaro. “Como chefe indígena brasileiro, Raoni Metuktire passou a vida protegendo sua casa, a floresta amazônica. Metuktire, 89 anos, viajou para a Cúpula do G7 de 2019 em agosto deste ano para discutir a Amazônia com os líderes mundiais, depois que um aumento nos incêndios destruiu grande parte da floresta tropical. Metuktire criticou o presidente Jair Bolsonaro e sua exploração da Amazônia. Desde sua posse em janeiro deste ano, a taxa de desmatamento aumentou em até 92%, de acordo com imagens de satélite”, diz a publicação.

Além de Raoni, a Time elenca como favoritos para ganhar o prêmio a jovem ativista ambiental sueca, Gretha Thunberg; Abiy Ahmed, atual primeiro-ministro da Etiópia; a primeira-ministra neozelandesa, Jacinda Arden; a organização Repórteres Sem Fronteiras; além do Alto Comissariado da ONU para Refugiados.

Lula 

Apesar de não constar na lista da Time, o ex-presidente brasileiro Luiz Inácio Lula da Silva é tido como um dos concorrentes de peso ao Prêmio Nobel da Paz. Além de da campanha mundial que levou seu nome a estar entre os indicados, o petista é considerado em inúmeros lugares do globo como um preso político e vem recebendo honrarias importantes às vésperas da premiação, como o título de Cidadão Honorário de Paris.

Além disso, Lula tem o apoio de Adolfo Pérez Esquivel, escritor e ativista de direitos humanos argentino. Esquivel venceu o Nobel da Paz em 1980.

“Não sabemos o que pode ocorrer, mas seria muito importante que fosse outorgado a Lula. Seria o primeiro Prêmio Nobel do Brasil”, destacou o argentino.

Medicina

A temporada do Nobel começou com os prêmios científicos. Os norte-americanos William Kaelin e Gregg Semenza e o britânico Sir Peter Ratcliffe foram anunciados, nesta segunda-feira (7), como vencedores na categoria Medicina.

A pesquisa ganhadora procura entender como as células detectam e se adaptam à disponibilidade de oxigênio. Aplicações derivadas dessas descobertas já estão sendo feitas em tratamentos contra anemia e podem levar a estratégias para tratar alguns tipos de câncer.

O vencedor da categoria de Literatura será conhecido na quinta (10) e na sexta (11) será a vez do Nobel da Paz.

 

 


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum