Ouça o Fórumcast, o podcast da Fórum
03 de fevereiro de 2019, 15h53

Trump recusa reunião com Maduro e diz que abrir guerra com a Venezuela é uma opção

Neste sábado (2), Francisco Estéban Yánez Rodríguez tornou-se o primeiro general da ativa do país a reconhecer publicamente Guaidó como presidente venezuelano, exortando outros militares a desertarem de Maduro. John Bolton, conselheiro de Trump, anunciou o envio de "ajuda humanitária"

Foto: Reprodução

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou em entrevista neste domingo (3) à rede CBS que recusou se reunir com o presidente Nicolás Maduro e que o envio de tropas militares para a Venezuela “é uma opção”.

“Certamente é algo que está… É uma opção”, disse Trump sobre o envio de tropas em entrevista ao programa Face the Nation. “Bem, ele [Maduro] requisitou uma reunião e eu recusei, porque já estamos muito longe no processo”.

Em 23 de janeiro, Guaidó, presidente da Assembleia Nacional, proclamou-se presidente interino da Venezuela e obteve apoio de países como Estados Unidos, Brasil, Colômbia e, nesta semana, do Parlamento Europeu.

No sábado (2), Francisco Estéban Yánez Rodríguez tornou-se o primeiro general da ativa do país a reconhecer publicamente Guaidó como presidente venezuelano, exortando outros militares a desertarem de Maduro. John Bolton, conselheiro de Trump, anunciou o envio de “ajuda humanitária”.

Nossa sucursal em Brasília já está em ação. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Saiba mais.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum