terça-feira, 27 out 2020
Publicidade

Twitter apaga contas falsas que se faziam passar por apoiadores negros de Trump

Plataforma detectou milhares de perfis falsos de pessoas que diziam ser afro-americanas e que recomendavam voto no atual presidente e questionavam aqueles que o chamavam de racista

O Twitter anunciou nesta quarta-feira (14) que detectou mais de 20 mil perfis falsos que se faziam passar por pessoas negras que apoiavam a campanha do atual presidente estadunidense Donald Trump à reeleição. Também assegurou que todas elas já foram apagadas.

Segundo matéria do diário Washington Post, as contas foram identificadas a partir de algumas repetições de tuítes entre elas, com mensagens como “SIM, EU SOU NEGRO E VOU VOTAR EM TRUMP!!!” (assim, com maiúsculas).

A matéria conta que algumas delas chegavam a ter dezenas de milhares de seguidores, e não só publicavam mensagens para defender o voto no atual presidente como também o defendiam daqueles que o acusavam de ser racista ou de ser inimigo dos movimentos de defesa dos direitos da comunidade negra, como o Black Lives Matter.

O Twitter também explicou que as contas utilizavam fotos de perfil roubadas de pessoas reais, muitas vezes de outros países, ou de polícias e veteranos de guerra afro-americanos.

Victor Farinelli
Victor Farinelli
Jornalista formado pela Universidade Católica de Santos, há 15 anos é correspondente na Argentina (2004 e 2005) e no Chile (desde 2006).