#Fórumcast, o podcast da Fórum
21 de agosto de 2019, 14h12

Vaiado, Ricardo Salles provoca ONGs em conferência do clima: Nós permitimos que estejam aqui

Ministro de Bolsonaro lançou provocações às organizações não governamentais presentes no evento durante seu breve discurso, de 3 minutos, entre vaias e gritos de "fascista" e "assassino"

Ricardo Salles, ministro do Meio Ambiente (Divulgação/MMA)

Vaiado e alvo de protestos durante sua participação nesta quarta-feira (21) na Semana Climática da América Latina e Caribe (LAC Climate Week – LACCW), promovida pela Organização das Nações Unidas (ONU), em Salvador (BA), o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, lançou provocações às organizações não governamentais presentes no evento durante seu breve discurso, de 3 minutos, entre vaias e gritos de “fascista” e “assassino”.

Se você curte o jornalismo da Fórum clique aqui. Em breve, você terá novidades que vão te colocar numa rede em que ninguém solta a mão de ninguém

“Nós fomos convencidos pelo prefeito a fazer o evento, o que permitiu que as senhoras e os senhores estejam aqui”, disse Salles, em resposta à fala de ACM Neto, que agradeceu ao ministro por voltar atrás e desistir de cancelar o evento que já havia sido agendado na capital baiana.

“Estou vendo os cartazes e manifestações de cada; isso tem sim eco nas iniciativas que nós temos considerado”, alfinetou Salles, sobre os protestos de ONGs como Engajamundo, 350.org e do movimento Não Fracking Brasil, que estão no evento.

Amazônia
Antes de ser chamado ao palco do evento, o ministro afirmou que fará uma vistoria, nesta tarde, em um região de queimadas na Amazônia.

“Depois do almoço, vamos diretamente para a Amazônia fazer uma vistoria in loco junto com o governo do Mato Grosso, que é onde vem ocorrendo a maior quantidade dos pontos de queimada. É uma situação realmente preocupante, agravada pelo clima seco, pelo calor”, disse.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum