Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
01 de julho de 2019, 15h48

Velório de pai e filha afogados nos EUA comove El Salvador e é marcado por aproveitamento político

O presidente Nayib Bukele se ofereceu para pagar todas as despesas funerárias. Seu vice-ministro de Relações Exteriores aproveitou a presença da viúva, Tania Ávalos, para dar um discurso político sobre as bondades do novo governo, e dois prefeitos da região metropolitana da capital brigam para dar a ela um emprego em suas respectivas prefeituras

Vice-ministro salvadorenho usa viúva para fazer discurso político (Foto: Reprodução/Vídeo)

Este fim de semana ficou marcado em San Salvador, capital da República de El Salvador, pela chegada ao país dos corpos de Óscar Martínez e a sua filha Valeria, e o posterior velório dos dois protagonistas da foto que impactou o mundo na quarta-feira passada (26), e que revelou o lado mais horrível da crise migratória que vive o continente americano atualmente.

Inscreva-se no nosso Canal do YouTube, ative o sininho e passe a assistir ao nosso conteúdo exclusivo

A família de Óscar organizou uma cerimônia reservada à família e à comunidade evangélica a qual ela pertence, e pediu aos jornalistas que mantivessem certa distância do cemitério La Bermeja, onde eles foram sepultados nesta segunda (1).

Durante a tarde de domingo (30), cerca de 10 ônibus estacionaram perto do cemitério, trazendo pessoas da comunidade evangélica ligada a família Martínez.

O recém assumido presidente Nayib Bukele (também conhecido como “o presidente milennial”), que também é empresário, se ofereceu para pagar todas as despesas funerárias. No entanto, quem foi mais criticado foi seu vice-ministro de Relações Exteriores, Marcelo Cabrera, que aproveitou a presença de Tania Ávalos, esposa de Óscar e mãe de Valeria, para dar um discurso político sobre as bondades do novo governo e seu compromisso para com a família dela e de Óscar. O próprio presidente Bukele reprovou a atitude do vice-ministro nas redes sociais, afirmando ser de “mal gosto”.

Os prefeitos de outras duas cidades da regiuão metropolitana de San Salvador – San Martín e Ilopango, onde residem os familiares de Tania Ávalos – também tentam se aproveitar da tragédia: ambos estão brigando por oferecer emprego para a jovem viúva em suas respectivas prefeituras.

Óscar Martínez tinha 25 anos e sua bebê, Valeria, tinha apenas 23 meses de vida. Ambos tentavam fugir da pobreza em seu país e chegar aos Estados Unidos junto com Tania Ávalos, seguindo uma das caravanas de centro-americanos que partiu de Honduras e foi acumulando aderentes em El Salvador e Guatemala, como costuma acontecer.

Quando tentavam atravessar o rio Bravo, na fronteira com o México, a correnteza pegou Óscar desprevenido quando tinha sua filha agarrada entre seus ombros, e ambos foram arrastrados. Pela posição dos corpos na imagem, percebe-se que o pai ainda tentou salvar a vida da filha colocando-a dentro de sua camiseta.

Com informações do El País e do portal ElSalvador.com.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum