Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
20 de outubro de 2019, 08h42

Vídeo: À paisana, soldados chilenos utilizam fuzis para dispersar manifestações

Santiago, Valparaíso e Concepción estão sob forte esquema de segurança, com grande presença militar e policial, após o presidente Sebastián Piñera decretar toque de recolher

Foto: Reprodução/GloboNews

Apesar de o governo do Chile ter suspendido o aumento na tarifa dos metrôs, em consequência da pressão popular, a repressão militar e policial em Santiago continua intensa, lembrando a época do ditador Augusto Pinochet.

Neste domingo, a rua Paseo Bulnes, no centro de Santiago, próximo ao Palácio de La Moneda, sede do governo, foi palco de mais uma ação violenta de militares chilenos.

Soldados à paisana utilizavam fuzis para dispersar manifestações de protesto, que ainda ocorrem nas ruas da capital chilena.

Santiago, Valparaíso e Concepción estão sob forte esquema de segurança, com grande presença militar e policial, após o presidente Sebastián Piñera decretar toque de recolher nas três regiões, durante a madrugada deste domingo (20).

Assista ao vídeo:


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum