Fórumcast, o podcast da Fórum
06 de janeiro de 2019, 18h22

VIDEO: Ativista denuncia quadrilha de tráfico de bebês que seria ligada a João de Deus

"Eles (bebês) são levados em geral, por guias turísticas espirituais (mas também por funcionários/as e quadrilha) para EUA, Europa e Austrália e vendidos por 20 a 50 mil dólares", afirma Sabrina Bittencourt.

Foto: Divulgação

Em vídeo publicado em sua página no Facebook na quinta-feira (3), Sabrina Bittencourt, que mobilizou mulheres para denunciarem abusos de João de Deus denuncia uma quadrilha de tráficos de bebês ligada ao médium.

“Com o fim de colaborar com a Polícia Federal, FBI e Polícia Internacional da União Europeia, na identificação das rotas de fuga de tráfico de bebês e escravidão sexual das mulheres que sistematicamente foram obrigadas e coagidas a parir e entregar estes bebês”, que faz parte da Força Tarefa Somos Muitas, que conduz investigação independente sobre abusos cometidos por líderes espirituais no Brasil.

Segundo Sabrina, as crianças são vendidas por até US$ 50 mil em países da Europa. “Eles são levados em geral, por guias turísticas espirituais (mas também por funcionários/as e quadrilha) para EUA, Europa e Austrália e vendidos por 20 a 50 mil dólares”.

No vídeo, ela pede ajuda a pessoas que tenham informações e queiram denunciar – de forma anônima – ao grupo.

Assista ao vídeo.


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum