O que o brasileiro pensa?
29 de maio de 2020, 22h14

Vídeo: Protestos contra morte de George Floyd chegam até Casa Branca e forçam isolamento

Nesta sexta-feira, o presidente Donald Trump chamou os manifestantes de bandidos e pregou repressão policial

Foto: Reprodução/Twitter/Peter Morley

Manifestantes que protestam contra a morte de George Floyd, homem negro vítima fatal de violência policial na última terça-feira (26), ocuparam o entorno da Casa Branca, sede do governo dos Estados Unidos, na noite desta sexta-feira (29).

A massiva manifestação fez o o Serviço Secreto determinar lockdown na Casa Branca nesta sexta, segundo o The New York Times. Desde a morte de Floyd, a cidade de Minneapolis, onde ocorreu o episódio, e diversas outras localidades do país têm vivido intensos protestos.

Apesar do presidente Donald Trump dizer que as investigações do caso devem ser “prioridade nacional”, o mandatário criticou as mobilizações.

“Esses bandidos estão desonrando a memória de George Floyd, e eu não deixarei isso acontecer. Acabei de falar com o governador Tim Walz (Partido Democrata) e lhe disse que o Exército está com ele o tempo todo. Qualquer dificuldade e assumiremos o controle, mas, quando o saque começar, o tiroteio começará. Obrigado!”, disse Trump, que teve a mensagem restringida pelo Twitter, ao ser considerada um estímulo à violência policial.

George Floyd

Na terça-feira quatro policiais foram detidos após envolvimento na tortura e assassinato de George Floyd. Um vídeo que repercutiu nas redes mostra o homem negro de 46 anos, algemado e deitado de bruços no chão, enquanto um agente pressiona o joelho contra seu pescoço por minutos. O policial que aparece no vídeo, Derek Chauvin, foi acusado nesta sexta por assassinato em terceiro grau e homicídio culposo.

Veja vídeos da manifestação:


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum