Imprensa livre e independente
06 de setembro de 2017, 09h35

Globo tenta induzir leitor que 51 milhões em mala de Geddel seriam de Lula, Dilma e PT

Em mais uma capa tendenciosa, o jornal O Globo, histórico apoiador de golpes e das piores forças políticas do país, inclusive o golpe militar de 1964, tenta confundir o leitor.

Em mais uma capa tendenciosa, o jornal O Globo, histórico apoiador de golpes e das piores forças políticas do país, inclusive o golpe militar de 1964, tenta confundir o leitor. Da Redação* Em mais uma capa tendenciosa, o jornal O Globo, histórico apoiador de golpes e das piores forças políticas do país, inclusive o golpe militar de 1964, tenta confundir o leitor. Na manchete, a denúncia do Procurador Geral da República, Rodrigo Janot, contra Lula, Dilma e o Partido dos Trabalhadores (PT). Logo abaixo, com legenda menor, a dinheirama encontrada em apartamento ligado à Geddel Vieira Lima, ex-ministro de Michel...

Em mais uma capa tendenciosa, o jornal O Globo, histórico apoiador de golpes e das piores forças políticas do país, inclusive o golpe militar de 1964, tenta confundir o leitor.

Da Redação*

Em mais uma capa tendenciosa, o jornal O Globo, histórico apoiador de golpes e das piores forças políticas do país, inclusive o golpe militar de 1964, tenta confundir o leitor.

Na manchete, a denúncia do Procurador Geral da República, Rodrigo Janot, contra Lula, Dilma e o Partido dos Trabalhadores (PT).

Logo abaixo, com legenda menor, a dinheirama encontrada em apartamento ligado à Geddel Vieira Lima, ex-ministro de Michel Temer, cujo golpe, é claro, o jornal também apoiou.

Veja também:  Morre Juarez Soares, um dos maiores comentaristas da história do futebol brasileiro

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum