Imprensa livre e independente
30 de dezembro de 2015, 09h31

Governo regulamenta salário mínimo de R$ 880 em 2016

Reajuste de 11,7% entra em vigor a partir do dia 1º de janeiro. Novo valor já foi publicado no Diário Oficial da União desta quarta-feira (30)

Reajuste de 11,7% entra em vigor a partir do dia 1º de janeiro. Novo valor já foi publicado no Diário Oficial da União desta quarta-feira (30) Por Redação Anunciado nesta terça-feira (29) pela Presidência da República, o novo valor do salário mínimo foi publicado na edição do Diário Oficial da União desta quarta (30). O decreto nº 8.618, assinado pela presidenta Dilma Rousseff, regulamenta o piso em R$ 880, entrando em vigor a partir do dia 1º de janeiro de 2016. O reajuste em relação ao valor atual, R$ 788, foi de 11,7% e fica acima daquele projetado pelo Congresso...

Reajuste de 11,7% entra em vigor a partir do dia 1º de janeiro. Novo valor já foi publicado no Diário Oficial da União desta quarta-feira (30)

Por Redação

Anunciado nesta terça-feira (29) pela Presidência da República, o novo valor do salário mínimo foi publicado na edição do Diário Oficial da União desta quarta (30). O decreto nº 8.618, assinado pela presidenta Dilma Rousseff, regulamenta o piso em R$ 880, entrando em vigor a partir do dia 1º de janeiro de 2016.

O reajuste em relação ao valor atual, R$ 788, foi de 11,7% e fica acima daquele projetado pelo Congresso Nacional para a elaboração do Orçamento de 2016, estimado então em R$ 871. A correção é calculada com base na inflação anual medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) mais a variação do PIB nos dois anos anteriores.

Em nota divulgada pela Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República, o governo afirma que “dá continuidade à sua política de valorização do salário mínimo, com impacto direto sobre cerca de 40 milhões de trabalhadores e aposentados, que atualmente recebem o piso nacional”.

Veja também:  Vídeo: Lenine interrompe show e desabafa sobre Bolsonaro: “Eu sou nordestino, sim. Com muito orgulho”

O ministro do Trabalho e Previdência Social Miguel Rossetto divulgou nesta terça-feira dados do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese) apontando que o novo reajuste vai representar um incremento de R$ 51,5 bilhões na economia brasileira em 2016. Significa ampliação de mercado, qualidade de vida, desenvolvimento econômico a partir da ampliação dessa renda na dinamização da economia brasileira”, afirmou o ministro.

Foto: Pixabay

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum