Imprensa livre e independente
19 de setembro de 2016, 08h27

Guitarrista do Nação Zumbi pede “Fora Temer” em festa da Paralimpíada

Ao protestar contra Michel Temer, o guitarrista do Nação Zumbi, Lúcio Maia, quebrou o protocolo de encerramento das Paralimpíadas do Rio, no Maracanã; depois de ser focado pelas câmeras, o músico virou a parte de trás de seu instrumento e mostrou um "Fora Temer"; neste final de semana, o peemedebista também foi alvo de protestos no show de Caetano Veloso e Gilberto Gil, em SP, onde ocorrem outras manifestações contra ele.

Ao protestar contra Michel Temer, Lúcio Maia quebrou o protocolo de encerramento das Paralimpíadas do Rio, no Maracanã; depois de ser focado pelas câmeras, o músico virou a parte de trás de seu instrumento e mostrou um “Fora Temer” Por Brasil 247 O guitarrista do Nação Zumbi, Lúcio Maia, quebrou o protocolo de encerramento dos Jogos Paraolímpicos do Rio de Janeiro, na cerimônia de encerramento dos jogos, neste domingo (18), no Maracanã. Ao ser focado pelas câmeras, o músico fvirou a parte de trás de seu instrumento e exibir claramente um “Fora Temer”. Nação Zumbi subiu ao palco para celebrar...

Ao protestar contra Michel Temer, Lúcio Maia quebrou o protocolo de encerramento das Paralimpíadas do Rio, no Maracanã; depois de ser focado pelas câmeras, o músico virou a parte de trás de seu instrumento e mostrou um “Fora Temer”

Por Brasil 247

O guitarrista do Nação Zumbi, Lúcio Maia, quebrou o protocolo de encerramento dos Jogos Paraolímpicos do Rio de Janeiro, na cerimônia de encerramento dos jogos, neste domingo (18), no Maracanã. Ao ser focado pelas câmeras, o músico fvirou a parte de trás de seu instrumento e exibir claramente um “Fora Temer”.

Nação Zumbi subiu ao palco para celebrar a biodiversidade do país. Entre as músicas cantadas pelo grupo estavam “Praieira”, de Chico Science, “Maracatu atômico”, escrita por Nelson Jacobina e Jorge Mautner, e “Quando a maré encher”, de Fábio Trummer, Berna Vieira e Rogerman.

A direção da cerimônia de encerramento mudou o perfil da festa em comparação à cerimônia de abertura. O Maracanã recebe uma festa mais musical e menos cênica. Além do Nação, a festa conta com Vanessa da Mata, Andreas Kisser, Gaby Amarantos, Ivete Sangalo, Armandinho, entre outros.

Veja também:  Guitarrista Tom Morello chama Bolsonaro de “fascista populista” e Trump de “demagogo da cara laranja”

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum