Imprensa livre e independente
14 de março de 2019, 22h08

Ivan Valente, sobre Vélez e Olavo de Carvalho: “A educação brasileira é vítima da doutrinação dos imbecis”

Deputado do PSOL usou sua conta no Twitter para criticar a cúpula da educação do governo de Jair Bolsonaro: “Circo de horrores”

Foto: Antonio Cruz/Agência Brasil
O deputado federal Ivan Valente (PSOL) detonou o ministro da Educação, Ricardo Vélez Rodríguez, e o “guru” da família Bolsonaro, Olavo de Carvalho, pelos desmandos que ocorrem na educação no governo de Jair Bolsonaro. “O MEC se tornou um circo de horrores! Vélez pede desculpas semanalmente por alguma ação estapafúrdia. Funcionários do Ministério não voltam ao trabalho por causa do charlatão do Olavo de Carvalho. A educação brasileira é vítima da doutrinação dos imbecis”, tuitou o parlamentar. O MEC se tornou um circo de horrores! Vélez pede desculpas semanalmente por alguma ação estapafúrdia. Funcionários do Ministério não voltam ao trabalho...

O deputado federal Ivan Valente (PSOL) detonou o ministro da Educação, Ricardo Vélez Rodríguez, e o “guru” da família Bolsonaro, Olavo de Carvalho, pelos desmandos que ocorrem na educação no governo de Jair Bolsonaro.

“O MEC se tornou um circo de horrores! Vélez pede desculpas semanalmente por alguma ação estapafúrdia. Funcionários do Ministério não voltam ao trabalho por causa do charlatão do Olavo de Carvalho. A educação brasileira é vítima da doutrinação dos imbecis”, tuitou o parlamentar.


Mais mudanças

Vélez confirmou nesta quinta-feira (14) mais uma mudança no quadro do MEC. Desta vez, Iolene Lima foi nomeada para a Secretaria-Executiva da pasta, cargo considerado o número dois na organização do ministério. Ela é ligada aos evangélicos.

Veja também:  Não vai ter troca-troca: Filho de Trump não será embaixador no Brasil

O ministro desistiu de promover Rubens Barreto, adjunto da secretaria, depois de críticas a seu nome vindas do grupo ligado a Olavo de Carvalho.

Nossa sucursal em Brasília já está em ação. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Saiba mais.

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum