Imprensa livre e independente
18 de maio de 2019, 18h15

Janaína Paschoal: Bolsonaro “precisa parar com tanta xaropada e focar no trabalho”

Em entrevista à BBC Brasil, Janaína Paschoal diz que Bolsonaro está "afundando" por acreditar em uma "visão conspiratória" de pessoas que o cercam

Bolsonaro e Janaína Paschoal (Montagem)
Sondada para ser candidata a vice-presidente na chapa do hoje presidente Jair Bolsonaro, Janaína Paschoal (PSL/SP) disse em entrevista a Rafael Barifouse, no site da BBC Brasil neste sábado (18), que Jair Bolsonaro (PSL) está “afundando” por acreditar em uma “visão conspiratória” de pessoas que o cercam. “Somente o presidente pode identificar quem o está estimulando em teorias crescentemente conspiratórias. Precisa parar com tanta xaropada e focar no trabalho. Eu não vou abandonar o presidente, vou exigir que ele trabalhe e cumpra suas promessas de campanha”, disse, avaliando que o presidente compartilhou a carta bomba em grupos de whatsapps por...

Sondada para ser candidata a vice-presidente na chapa do hoje presidente Jair Bolsonaro, Janaína Paschoal (PSL/SP) disse em entrevista a Rafael Barifouse, no site da BBC Brasil neste sábado (18), que Jair Bolsonaro (PSL) está “afundando” por acreditar em uma “visão conspiratória” de pessoas que o cercam.

“Somente o presidente pode identificar quem o está estimulando em teorias crescentemente conspiratórias. Precisa parar com tanta xaropada e focar no trabalho. Eu não vou abandonar o presidente, vou exigir que ele trabalhe e cumpra suas promessas de campanha”, disse, avaliando que o presidente compartilhou a carta bomba em grupos de whatsapps por não entender “que todos os seus atos são interpretados, considerados, enfim, importantes.

Autora da peça jurídica, financiada pelo PSDB, que resultou no golpe parlamentar contra Dilma Rousseff, Janaína disse ainda que não acredita que Bolsonaro sofre risco de impeachment.

“O Presidente não corre risco de impeachment, pois não cometeu nenhum crime de responsabilidade. No entanto, o Congresso precisa compreender que o momento é delicado e que a população sabe que a MP 870 (que reduz o número de ministérios) precisa e pode ser votada, bem como que a reforma da Previdência é uma necessidade”.

Veja também:  Com estilo análogo a Bolsonaro, Duterte aprofunda escalada autoritária nas Filipinas

Leia a entrevista na íntegra

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum