Imprensa livre e independente
17 de novembro de 2014, 09h31

Janot sobre operação Lava Jato: “Essas prisões serão o grande propulsor da reforma política”

Em entrevista, procurador-geral da República afirma que a realização de prisões de executivos deve impulsionar mudanças no atual sistema político do país; ele comenta ainda a tentativa de interferência do advogado do doleiro Alberto Youssef nas eleições presidenciais deste ano.

Em entrevista, procurador-geral da República afirma que a realização de prisões de executivos deve impulsionar mudanças no atual sistema político do país; ele comenta ainda a tentativa de interferência do advogado do doleiro Alberto Youssef nas eleições presidenciais deste ano Por Redação O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, em entrevista ao jornalista Severino Mota, comentou dois possíveis efeitos da Operação Lava Jato, da Polícia Federal, que investiga um suposto esquema de corrupção na Petrobras. Após a prisão de executivos de empreiteiras, ele acredita que haverá a realização de novas delações premiadas. “Isso é um rastilho de pólvora. Quando um começa...

Em entrevista, procurador-geral da República afirma que a realização de prisões de executivos deve impulsionar mudanças no atual sistema político do país; ele comenta ainda a tentativa de interferência do advogado do doleiro Alberto Youssef nas eleições presidenciais deste ano

Por Redação

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, em entrevista ao jornalista Severino Mota, comentou dois possíveis efeitos da Operação Lava Jato, da Polícia Federal, que investiga um suposto esquema de corrupção na Petrobras.

Após a prisão de executivos de empreiteiras, ele acredita que haverá a realização de novas delações premiadas. “Isso é um rastilho de pólvora. Quando um começa a falar, o outro diz: Vai sobrar só para mim?’, e aí eles começam a falar mesmo. Todos vão negociar. Se um abrir a boca, abre todo mundo”, afirmou.

A reforma política também é apontada pelo procurador-geral como uma consequência positiva desse processo. “O sistema republicano e a Justiça começam a mudar de paradigma. A Justiça de três, quatro anos para cá, não é mais uma justiça dos três Ps, de puta, de preto, de pobre. Ela está indo em cima de agente político e de corruptor”, observou. “Essas prisões serão o grande propulsor da reforma política. E esse sistema é corruptor mesmo, se continuar esse sistema não vai mudar nada, pois vamos derrubar essas pessoas e outros virão ocupar esses espaços”, completou na entrevista.

Veja também:  Bretas nega reajuste em bloqueio de R$ 8,2 milhões de Temer

Na ocasião, ele falou ainda sobre a tentativa de interferência nas eleições deste ano, por parte do advogado Antonio Figueiredo Basto, que defende o doleiro Alberto Youssef. “Estava visível que queriam interferir no processo eleitoral”, disse Janot. “O advogado do Alberto Youssef operava para o PSDB do Paraná, foi indicado pelo Beto Richa para a coisa de saneamento, tinha vinculação com partido”, ressaltou. O resultado disso seria o vazamento seletivo de informações, com o objetivo de prejudicar a campanha de Dilma Rousseff à reeleição.

Foto de capa: Wilson Dias/ABr

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum