Imprensa livre e independente
19 de junho de 2019, 12h43

Jornal conservador alemão repercute Vaza Jato e chama processo a Lula de “jogo de cartas marcadas”

O jornal alemão Frankfurter Allgemeine Zeitung, conhecido com uma das publicações conservadoras mais importantes da Europa, e com uma clara linha editorial de direita, publicou nesta semana uma reportagem repercutindo o escândalo Vaza Jato, revelado pelo portal The Intercept, com o irônico título: “A suja Operação Lava-Jato”.

Matéria sobre Lula e a Lava Jato, no site do Frankfurter Allgemeine Zeitung. (Foto: Reprodução)
O jornal alemão Frankfurter Allgemeine Zeitung, conhecido com uma das publicações conservadoras mais importantes da Europa, e com uma clara linha editorial de direita, publicou nesta semana uma reportagem repercutindo o escândalo Vaza Jato, revelado pelo portal The Intercept. Inscreva-se no nosso Canal do YouTube, ative o sininho e passe a assistir ao nosso conteúdo exclusivo O título da matéria traz uma ironia: “A suja Operação Lava-Jato”. Segundo o meio germânico, “o maior escândalo de corrupção da história do Brasil toma um novo rumo, e o processo contra Lula da Silva pode ter sido um jogo de cartas marcadas”. A...

O jornal alemão Frankfurter Allgemeine Zeitung, conhecido com uma das publicações conservadoras mais importantes da Europa, e com uma clara linha editorial de direita, publicou nesta semana uma reportagem repercutindo o escândalo Vaza Jato, revelado pelo portal The Intercept.

Inscreva-se no nosso Canal do YouTube, ative o sininho e passe a assistir ao nosso conteúdo exclusivo

O título da matéria traz uma ironia: “A suja Operação Lava-Jato”. Segundo o meio germânico, “o maior escândalo de corrupção da história do Brasil toma um novo rumo, e o processo contra Lula da Silva pode ter sido um jogo de cartas marcadas”.

A matéria conta que “a operação Lava Jato chegou a um político que sempre foi considerado inalcançável: o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Ele foi acusado, entre outras coisas, de ter recebido um apartamento na praia, entregue por uma empreiteira em troca de favores políticos. Não havia documentos que provassem isso, mas toda uma série de pistas e testemunhos (…) O julgamento de Lula foi extremamente rápido. E a condenação veio meses antes da eleição presidencial brasileira, quando Lula da Silva seria o favorito claro”.

Veja também:  Advogado de Lula afirma que Lava Jato espionava suas conversas em tempo real

Sobre a atuação de Sérgio Moro, o jornal conta que “o ex-juiz era o herói do país quando as ruas estavam borbulhando e a população mostrava sua ira contra a corrupção e a classe política, a partir de 2015”, porém continua dizendo que “Moro colocou dezenas de políticos atrás das grades, até que, finalmente, muitos brasileiros começaram a refletir sobre ele”.

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum