Imprensa livre e independente
15 de março de 2019, 17h10

Juiz de direito ironiza hipocrisia do Brasil com a maconha

Luís Carlos Valois, juiz de direito e doutor em direito penal, é um defensor da legalização da cannabis

Reprodução
O juiz de direito Luís Carlos Valois, de Manaus (AM), usou as redes sociais, nesta sexta-feira (15), para ironizar a hipocrisia do Estado brasileiro com relação à política de drogas, mais especificamente a maconha. Um dos principais nomes do meio jurídico a encampar a defesa do antiproibicionismo, Valois postou, pela segunda vez, uma foto com um produto feito a base de cannabis. A primeira postagem foi em 2015, com um energético de maconha e, na ocasião, foi alvo de críticas por parte da imprensa e sofreu um certo tipo de perseguição no meio jurídico por militar pela causa. “Um dia...

O juiz de direito Luís Carlos Valois, de Manaus (AM), usou as redes sociais, nesta sexta-feira (15), para ironizar a hipocrisia do Estado brasileiro com relação à política de drogas, mais especificamente a maconha.

Um dos principais nomes do meio jurídico a encampar a defesa do antiproibicionismo, Valois postou, pela segunda vez, uma foto com um produto feito a base de cannabis. A primeira postagem foi em 2015, com um energético de maconha e, na ocasião, foi alvo de críticas por parte da imprensa e sofreu um certo tipo de perseguição no meio jurídico por militar pela causa.

“Um dia eu postei uma foto com um energético de cannabis, na Inglaterra, falando do quanto se pode fazer com essa planta, remédio, shampoos, cremes, roupas etc, e a gente prendendo pretos e pobres no Brasil… aí foi um escândalo, até jornal publicou a foto: ‘um juiz com um energético de cannabis, como pode?!’… bem agora vai uma foto com leite então, de cannabis, sem lactose, sem glúten, sem hipocrisia! Na Alemanha!”, escreveu na legenda.

Veja também:  "Apoio institucional" de Raquel Dodge não satisfaz Deltan Dallagnol e procuradores da Lava Jato

O jurista, mestre e doutor em direito penal e criminologia, além de integrar a Associação de Juízes para Democracia – AJD, é porta-voz daLaw Enforcement Against Prohibition – LEAP (Agentes da Lei contra a Proibição).

Em artigo publicado no site Justificando, no ano passado, o juiz conta como passou a ser tachado de “juiz maconheiro”, mesmo sem fazer o uso da substância. Confira aqui.

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum