LGBTQIAP+

  • Cunha proíbe divulgação de Seminário LGBT do Congresso Nacional

    O presidente da Câmara dos Deputados mandou retirar os cartazes do evento – que contém uma foto de Daniela Mercury e sua companheira – afixados no prédio do Congresso e proibiu qualquer divulgação oficial do Seminário, que está em sua 13ª edição. Esta é a primeira vez que um presidente da Casa faz restrições desse tipo ao encontro

  • Resolução que obriga cartórios a celebrar casamento gay completa dois anos

    Desde então, o Brasil registrou a realização de 3,7 mil casamentos de pessoas do mesmo sexo; a equiparação entre homossexuais e heterossexuais permite os mesmos direitos estabelecidos pelo Código Civil, como inclusão em plano de saúde e seguro de vida, pensão alimentícia, direito sucessório e divisão dos bens adquiridos pelos parceiros.

  • Dando pinta e enfrentando a homofobia

    Gays que "dão pinta" demais e não se encaixam em padrões de masculinidade são marginalizados até mesmo por outros homossexuais e lidam com uma grande carga de preconceito e violência. Essa questão, na verdade, tem tudo a ver com misoginia, o ódio contra mulheres.

  • Thammy Miranda: “Me defino como homem trans”

    "Devemos brigar para que sejamos definidos como trans, porque eu me nego a me resumir a uma genitália", diz o ator e empresário, que lançará um programa no canal Youtube para discutir transexualidade

  • Torcida do Corinthians terá que pagar multa por homofobia

    A organizada "Camisa 12" terá que pagar multa de R$20 mil por ter exibido faixa de cunho homofóbico quando, em 2013, o jogador Emerson Sheik postou foto dando um 'selinho' em um amigo; advogado alerta para o fato de que punir a torcida é apenas um passo diante de um cenário recorrente de homofobia dentro dos estádios

  • Bissexualidade e relacionamentos abusivos

    Apesar da noção equivocada de que pessoas bissexuais possuem privilégios sociais quando estão em relacionamentos com pessoas de outro gênero, a realidade é que, em relacionamentos hetero, elas também passam por situações de abuso e bifobia, incluindo dos próprios parceiros

  • Inquérito de Verônica Bolina omite fotos de agressão

    "As fotos divulgadas nas redes sociais, reforçadas pelo áudio no qual a travesti teria dito 'não ter sido agredida ou torturada por policiais', possivelmente obtido mediante constrangimento ilegal e tortura, demonstram a necessidade de instauração de inquérito policial autônomo, para apurar possível crime de tortura", defende o advogado Ariel de Castro Alves