Ouça o Fórumcast, o podcast da Fórum
03 de julho de 2018, 21h51

Reino Unido proíbe a chamada ‘cura gay’

Governo apresentou plano para acabar com as terapias de conversão de orientação sexual e ainda anunciou outras medidas, como a criação de um fundo para ações anti-homofobia

Foto: Paulo Pinto/Fotos Públicas

Enquanto no Brasil alguns deputados e até psicólogos defendem as terapias de conversão de orientação sexual, a chamada “cura gay”, que trata a homossexualidade como um transtorno psicológico, o Reino Unido anuncia um plano para coibir esse tipo de tratamento e diminuir a homofobia.

Nesta terça-feira (3), o governo anunciou a implantação de uma lei que vai proibir as terapias e a criação de algumas medidas. Entre elas, está a inauguração do “Fundo de Implementação LGBT” de 4,5 milhões de libras que serão investidas em ações anti-homofobia e a nomeação de um conselheiro nacional de saúde LGBT.

Leia também
“Cura gay”: Justiça autoriza psicólogos a tratar homossexualidade como doença

“Essas atividades são um erro, e não estamos dispostos a permitir que continuem”, escreveu o governo britânico em uma nota oficial sobre a lei que proíbe as terapias.

As novas políticas públicas anti-homofobia foram criadas a partir dos resultados de uma pesquisa que apontou que mais de 65% dos entrevistados já evitaram andar de mãos dadas com os companheiros ou companheiras em locais públicos com medo de agressões.

 


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum