SUS aprova política de saúde integral LGBT em MG

Essa é mais uma vitória de uma luta incansável dos coletivos LGBTs que reivindicam direitos em todo o país

Foto: Agência Brasil

O Sistema Único de Saúde (SUS) de Minas Gerais aprovou a Política Estadual de Saúde Integral de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais.

Essa é mais uma vitória de uma luta incansável dos coletivos LGBTs que reivindicam direitos em todo o país. A Política Estadual de Saúde de LGBTs foi publicada no último dia 14 com a Resolução CIB-SUS/MG.

O Coletivo BIL (Mulheres Bissexuais e Lésbicas Transexuais e Cisgêneras de MG) participou de todas as etapas da construção desta política, representado pela titular das mulheres bissexuais no Comitê LGBT, Fernanda Coelho, que trouxe o entendimento das especificidades em saúde das mulheres bissexuais que é reconhecida no documento.

E também na representação do Conselho Estadual de Saúde – CESMG, com a participação da Bella Ramalho, que contribuiu com a luta incansável pela saúde das lésbicas no acolhimento do serviço, e das demais pessoas LGBTs. Atualmente o CESMG é representado pela enfermeira lésbica Carol Brito.

Ainda falta publicar o Plano Operativo que foi construído, que é o documento que instrumentalizará a política e no qual constam muitas das questões específicas que vêm sendo cobradas no acolhimento em saúde, principalmente das mulheres bissexuais e lésbicas.

O Coletivo BIL informa que “a publicação desta política, neste momento, é algo significativo e reforça, de forma concreta, as possibilidades do avanço para um acolhimento em saúde para pessoas LGBT no nosso estado livre de LGBTfobia e considerando as nossas especificidades em saúde”.

Este post foi modificado pela última vez em 17 ago 2020 - 22:54 22:54

Lelê Teles: Formado pela Universidade de Brasília, Lelê Teles é jornalista, roteirista e publicitário. É roteirista do programa Estação Periferia (TV Brasil) e da série De Quebrada em Quebrada (Prodav 09). Sua novela, Lagoas, foi premiada na Primeira Bienal de Cultura da UNE. Discípulo do Mestre Cafuna, prega o cafunismo, que é um lenitivo para a midiotia e cura para os midiotas.