Imprensa livre e independente
01 de outubro de 2018, 08h07

Lula diz que golpistas, em conluio com a Globo, criaram a “serpente fascista, chocada no ninho do ódio”

Em carta, Lula critica "lideranças políticas e analistas da imprensa" que colocam a candidatura de Fernando Haddad (PT) em polo oposto à de Jair Bolsonaro (PSL).

Lula (Foto: Ricardo Stuckert)
Em carta ao Jornal do Brasil, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) critica “lideranças políticas e analistas da imprensa” que colocam a candidatura de Fernando Haddad (PT) em polo oposto à extrema-direita de Jair Bolsonaro (PSL) na disputa presidencial. Segundo Lula, são os políticos aliados ao golpe de Estado que, “em conluio com a Rede Globo”, que criaram “essa ameaça à democracia e à civilização”. “São eles o outro polo nestas eleições, qualquer que seja o nome de seu candidato, inclusive aquele que não ousam dizer. Já atenderam pelo nome de Aécio Neves, esse mesmo que hoje querem...

Em carta ao Jornal do Brasil, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) critica “lideranças políticas e analistas da imprensa” que colocam a candidatura de Fernando Haddad (PT) em polo oposto à extrema-direita de Jair Bolsonaro (PSL) na disputa presidencial. Segundo Lula, são os políticos aliados ao golpe de Estado que, “em conluio com a Rede Globo”, que criaram “essa ameaça à democracia e à civilização”.

“São eles o outro polo nestas eleições, qualquer que seja o nome de seu candidato, inclusive aquele que não ousam dizer. Já atenderam pelo nome de Aécio Neves, esse mesmo que hoje querem esconder. Tentaram um animador de auditório, um justiceiro e um aventureiro; restou-lhes um candidato sem votos. O nome deles poderá vir a ser o da serpente fascista, chocada no ninho do ódio, da violência e da mentira”.

Lula diz ainda que, desde sua criação, o PT polarizou “sim: contra a fome, a miséria, a injustiça social, a desigualdade, o atraso, o desemprego, o latifúndio, o preconceito, a discriminação, a submissão do país às oligarquias, ao capital financeiro e aos interesses estrangeiros”.

Veja também:  Ex-diretor de Marketing da Embratur explica por que nova Marca Brasil é um erro

O ex-presidente afirma ainda que teve a candidatura cassada de forma arbitrária para impedir a livre expressão popular. “Se fecharam as portas à minha candidatura, abrimos outra com Fernando Haddad. É o povo que põe em xeque o projeto ultraliberal, e isso não estava no cálculo dos golpistas”.

Leia a carta completa no Jornal do Brasil.

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum