Imprensa livre e independente
02 de março de 2019, 14h03

Maduro envia coroa de flores a velório de Arthur

Na última terça, o presidente da Venezuela recebeu, de João Pedro Stedile, uma faixa onde podia ser lido “Lula preso político”, durante a Assembleia Internacional dos Povos (AIP), em Caracas

Foto: Reprodução
O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, em meio aos ataques que vem sofrendo, ainda encontrou tempo para enviar uma coroa de flores ao velório de Arthur Araújo Lula da Silva, neto do ex-presidente Lula. Na última terça-feira (26), Maduro recebeu um presente das mãos do dirigente nacional do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST) e articulador da Via Campesina Internacional, João Pedro Stedile. Ele entregou uma faixa onde podia ser lido “Lula preso político”. A entrega aconteceu durante Assembleia Internacional dos Povos (AIP), que ocorreu entre os dias 24 e 27 de fevereiro, em Caracas, capital venezuelana, e que reuniu delegações de 85 países....

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, em meio aos ataques que vem sofrendo, ainda encontrou tempo para enviar uma coroa de flores ao velório de Arthur Araújo Lula da Silva, neto do ex-presidente Lula.

Na última terça-feira (26), Maduro recebeu um presente das mãos do dirigente nacional do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST) e articulador da Via Campesina Internacional, João Pedro Stedile. Ele entregou uma faixa onde podia ser lido “Lula preso político”.

A entrega aconteceu durante Assembleia Internacional dos Povos (AIP), que ocorreu entre os dias 24 e 27 de fevereiro, em Caracas, capital venezuelana, e que reuniu delegações de 85 países. Após receber a bandeira, os participantes do evento responderam em coro “Lula livre”.

Nossa sucursal em Brasília já está em ação. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Saiba mais.

Veja também:  Procurador toma invertida ao acionar juiz sobre "vazamento" de delação de ex-Odebrecht sobre caso Lula

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum