Imprensa livre e independente
07 de fevereiro de 2019, 18h31

Maria do Rosário manda recado a Ciro: “Guarde fígado no freezer”

A deputada disse no Twitter que Ciro Gomes deve ser mais humano e que pare de atacar Lula, que, preso, não tem igual condição de se defender

Foto: Fábio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
A deputada federal Maria do Rosário (PT-RS) comentou no Twitter o ataque de Ciro Gomes (PDT) ao ex-presidente Lula. O ex-candidato à presidência da República foi vaiado por estudantes, durante a Bienal da União Nacional dos Estudantes (UNE), nesta quinta-feira (7), em Salvador (BA). “Sempre defendi e gostei politicamente de @cirogomes (só ñ em falas machistas). Mas o grito hj na @uneoficial tem razão de ser. Ciro é líder muito importante! Deve guardar fígado no freezer… ser maior, +humano. Q pare de atacar Lula, q preso, ñ tem igual condição de se defender”, postou a deputada. Sempre defendi e gostei...

A deputada federal Maria do Rosário (PT-RS) comentou no Twitter o ataque de Ciro Gomes (PDT) ao ex-presidente Lula. O ex-candidato à presidência da República foi vaiado por estudantes, durante a Bienal da União Nacional dos Estudantes (UNE), nesta quinta-feira (7), em Salvador (BA).

“Sempre defendi e gostei politicamente de @cirogomes (só ñ em falas machistas). Mas o grito hj na @uneoficial tem razão de ser. Ciro é líder muito importante! Deve guardar fígado no freezer… ser maior, +humano. Q pare de atacar Lula, q preso, ñ tem igual condição de se defender”, postou a deputada.

Em sua participação na Bienal da UNE, Ciro foi vaiado depois de gritar para os estudantes: “Eu não sou corrupto. Eu tô solto! É o Lula que está preso, babaca! Provocou, vai ouvir”, declarou.  A plateia devolveu com o coro de “Lula livre”.

Veja também:  Moro interferiu no grampo ilegal da cela de Alberto Youssef

A fala de Ciro lembrou a de seu irmão, Cid Gomes, eleito senador no Ceará. Durante o segundo turno das eleições presidenciais de 2018, também foi vaiado ao criticar duramente a estratégia eleitoral do PT, em evento da campanha de Fernando Haddad.

Nossa sucursal em Brasília já está em ação. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Saiba mais.

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum