Imprensa livre e independente
20 de outubro de 2018, 11h44

Material de propaganda irregular apreendido pela PF pode ampliar suspeita sobre Doria

Busca e apreensão em comitê do tucano encontrou adesivos sem o CNPJ da gráfica responsável pela impressão e nem a identificação do autor da encomenda, o que é proibido

Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil O grande volume de material de propaganda irregular que foi apreendido pela Polícia Federal (PF) no comitê de João Doria (PSDB), na Bela Vista, em São Paulo, pode trazer muitos problemas para o tucano. Uma busca e apreensão, atendendo denúncia da coligação de Márcio França (PSB), encontrou adesivos, que deveriam ser usados neste fim de semana. No entanto, o material não continha o CNPJ da gráfica responsável pela impressão e nem a identificação do autor da encomenda. O material foi apreendido. De acordo com informações da coluna Painel, da Folha de S.Paulo, as formalidades descumpridas pela...

Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil

O grande volume de material de propaganda irregular que foi apreendido pela Polícia Federal (PF) no comitê de João Doria (PSDB), na Bela Vista, em São Paulo, pode trazer muitos problemas para o tucano. Uma busca e apreensão, atendendo denúncia da coligação de Márcio França (PSB), encontrou adesivos, que deveriam ser usados neste fim de semana. No entanto, o material não continha o CNPJ da gráfica responsável pela impressão e nem a identificação do autor da encomenda. O material foi apreendido.

De acordo com informações da coluna Painel, da Folha de S.Paulo, as formalidades descumpridas pela campanha de Doria podem trazer consequências sérias. Toda publicidade tem que ter CNPJ, nome da gráfica e a quantidade de material rodado para dificultar a compra com caixa dois.

Aliados do tucano afirmaram, inicialmente, que 1.000 adesivos teriam sido, por acidente, impressos de maneira incorreta.

Veja também:  Janot ao receber convite de Dallagnol para palestra: "Oi amigo kkkkkk, considero sim mas teremos que falar sobre cache"

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum