CRISE CLIMÁTICA

ATENÇÃO: Inmet emite alerta vermelho para ondas de calor em nove estados; veja quais

Aviso foi ajustado para “grande perigo” e temperaturas podem chegar a 5°C acima do previsto

Calor extremo.Créditos: Inmet
Escrito en MEIO AMBIENTE el

O grau de alerta para o calor intenso nos próximos dias sofreu aumento de "laranja" para "vermelho", pelo Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). Em nove estados do país, a temperatura pode ficar ainda  5°C mais quente do que já havia sido avisado. 

Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Tocantins, Minas Gerais, Pará, Paraná, São Paulo e Rio de Janeiro estão entre os locais mais afetados pelo calor extremo, que pode durar até domingo (24), com temperaturas acima  de 40ºC.

Cuidados com a saúde

Diante dessa situação, é preciso redobrar os cuidados com a saúde para manter a hidratação do corpo. Por isso, é indicado maior ingestão de líquidos, evitar sair nos horários de pico, usar proteção solar como produtos e vestimentas que aliviam os efeitos do calor extremo. 

Também é preciso tomar cuidado com os pets. Para isso, é recomendada a regra dos sete segundos. 

Crise climática

Essas ondas de calor são consequência da crise climática que o mundo atravessa, devido ao aquecimento global. Em agosto, o secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), António Guterres, emitiu um aviso severo sobre as alterações climáticas: "A era do aquecimento global terminou; a era da ebulição global chegou".