Imprensa livre e independente
16 de junho de 2019, 19h00

México apreende cerca de imigrantes que estavam em contêineres

Cerca de 800 imigrantes ilegais, sendo 368 crianças estavam em quatro contêineres em condições sub-humanas e foram enviados a um abrigo

Cerca de 800 pessoas, sendo 368 crianças, foram apreendidas neste domingo (16), no estado de Veracruz, no México. O grupo de imigrantes formado por salvadorenhos, guatemaltecos e hondurenhosos estavam em quatro contêineres em condições sub-humanas. Inscreva-se no nosso Canal do YouTube, ative o sininho e passe a assistir ao nosso conteúdo exclusivo A região é uma das mais violentas do México por ser uma das rotas mais utilizadas para o tráfico de drogas para os Estados Unidos, e onde muitos imigrantes são roubados, extorquidos ou sequestrados. Entre as crianças apreendidas, 270 têm entre 6 e 7 anos e 98 são menores de 5 anos, segundo...

Cerca de 800 pessoas, sendo 368 crianças, foram apreendidas neste domingo (16), no estado de Veracruz, no México. O grupo de imigrantes formado por salvadorenhos, guatemaltecos e hondurenhosos estavam em quatro contêineres em condições sub-humanas.

Inscreva-se no nosso Canal do YouTube, ative o sininho e passe a assistir ao nosso conteúdo exclusivo

A região é uma das mais violentas do México por ser uma das rotas mais utilizadas para o tráfico de drogas para os Estados Unidos, e onde muitos imigrantes são roubados, extorquidos ou sequestrados.

Entre as crianças apreendidas, 270 têm entre 6 e 7 anos e 98 são menores de 5 anos, segundo uma fonte local.  Conforme autoridades, todos foram enviados a abrigos e postos de migração da região.

Veja também:  Eduardo Bolsonaro aceita e deve ser o novo embaixador do Brasil nos EUA

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum