Após repercussão, New York Times divulga nota em português para desmentir fake news bolsonarista

Bolsonaristas inventaram uma capa do jornal estadunidense, inclusive com erros de inglês, para mentir que o periódico noticiou manifestações de apoio ao presidente

O jornal estadunidense The New York Times, diante da grande repercussão de uma fake news bolsonarista no Brasil, veio à público nesta terça-feira (4) para desmentir a capa inventada por apoiadores de Jair Bolsonaro.

Na capa apócrifa que faz referência ao periódico e que passou a circular e grupos de Whatsapp bolsonaristas nesta segunda-feira (3), é dado destaque às manifestações em apoio ao presidente Jair Bolsonaro que aconteceram em algumas cidades no último sábado (1).

Através do perfil oficial de comunicados institucionais do jornal o NYTimes Communications, o jornal fez uma postagem em português para desmentir a mais nova fake news bolsonarista. “Estamos cientes de que uma versão manipulada da primeira página do New York Times circula na internet com matérias falsas e uma imagem de manifestações a favor do presidente Jair Bolsonaro. O New York Times não publicou essa capa”, diz o periódico.

Confira.

Tudo falso

Os elementos que mostram a falsidade da capa dos bolsonaristas associada ao New York Times são inúmeros. O primeiro deles é que a edição desta segunda-feira (3) do jornal estadunidense não faz nenhuma menção ao Brasil. A manchete é sobre emissões de gases de efeito estufa. Na edição de domingo (2) também não há nada sobre as manifestações e nem sobre Jair Bolsonaro.

O segundo elemento facilmente perceptível de que se trata de uma imagem apócrifa são as fotos utilizadas. A imagem em destaque da “edição bolsonarista” mostra uma foto de uma manifestação na avenida Paulista, em São Paulo, que foi realizada em 2016, em apoio ao impeachment da ex-presidenta Dilma Rousseff.

Como se não bastasse, na capa falsa a chamada é escrita com um erro crasso de inglês. “Brazil whants to be free”, diz a manchete. A forma correta, no entanto, seria “Brazil wants to be free”, que em português quer dizer “Brasil quer ser livre”.

Além disso, na capa também há a frase “Brazil from Bolsonaro”, quando o correto seria escrever “Bolsonaro’s Brazil” (em português, “Brasil de Bolsonaro”).

Confira.

Avatar de Ivan Longo

Ivan Longo

Jornalista e repórter especial da Revista Fórum.