O que o brasileiro pensa?
28 de julho de 2020, 16h39

Bocardi é criticado nas redes após pergunta maliciosa sobre greve dos metroviários de SP

"Quando te perguntarem sobre isenção jornalística, leia esta pergunta do apresentador em voz alta e ache a resposta", disse a jornalista Cecília Olliveira

Reprodução

O jornalista Rodrigo Bocardi virou assunto nas redes sociais nesta terça-feira (28). O âncora do Bom Dia SP, da TV Globo, foi criticado por questionar o presidente do Sindicato dos Metroviários de SP, Altino de Melo Prazeres Júnior, sobre a legitimidade da greve da categoria.

Durante o programa, Bocardi recebeu uma forte resposta de Prazeres ao questionamento de que não seria “razoável” uma greve diante da pandemia. ““É justo os mais ricos, os bilionários desse país, ficarem mais ricos na pandemia? Tá errado. A luta dos metroviários foi para resistir, para que a gente mantenha o nosso nível de vida. A pergunta é: por que os bilionários ficam mais ricos e os trabalhadores têm que pagar o custo desta crise que eles mesmos criaram?”, respondeu o sindicalista.

Nas redes, a declaração repercutiu com muitas críticas à postura agressiva de Bocardi contra a mobilização dos trabalhadores. “É sempre este discurso anacrônico de criminalização da luta dos trabalhadores numa greve. Só que Bocardi não esperava o questionamento sobre o andar de cima. Por que o bilionários ficam mais ricos e o trabalhador vai pagar a conta? vsf”, criticou o jornalista Aquiles Lins.

“Quando te perguntarem sobre isenção jornalística, leia esta pergunta do apresentador em voz alta e ache a resposta”, disse a jornalista Cecília Olliveira.

O jornalista Caio Bellandi, do podcast Lado B do Rio, também reagiu. “Sempre que se perguntarem ‘JORNALISMO TEM LADO?’, vejam esse vídeo e o tom raivoso da pergunta de Rodrigo Bocardi sobre a greve. A resposta é: tem lado. E não é o do trabalhador. A Rede Globo é, sempre foi e sempre será inimiga do trabalhador”, afirmou.

Um episódio em que Bocardi foi acusado de racismo, no início do ano, também voltou à tona. Na ocasião, o apresentador perguntou a Leonel Diaz, atleta de polo aquático do Clube Pinheiros, se ele era “catador de bolinhas”. O atleta cubano disse que comentário do apresentador foi “mal-intencionado” e pediu retratação.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum

#tags