Com salários atrasados há 20 meses, jornalistas do Correio Popular entram em greve

Os jornalistas sofrem com a falta de pagamento dos salários desde maio de 2019, bem como de outros direitos direitos, como FGTS, 13º e férias, segundo o Sindicato dos Jornalistas de São Paulo

Com salários atrasados há 20 meses, jornalistas da Rede Anhanguera de Comunicação (RAC), que publica o jornal Correio Popular e a revista Metrópole em Campinas, no interior de São Paulo, entraram em greve nesta segunda-feira (18).

Segundo o Sindicato dos Jornalistas de São Paulo (SJSP), a greve reivindica o pagamento de salários e verbas trabalhistas em atraso. Os jornalistas sofrem com a falta de pagamento dos salários desde maio de 2019, bem como de outros direitos direitos, como FGTS, 13º e férias.

“Nas últimas semanas, os trabalhadores, juntamente com o Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo (SJSP), buscaram soluções pela via negocial. Paralisações de 24 horas foram realizadas para pressionar o grupo RAC a atender minimamente as demandas levantadas. Entretanto, sem sucesso nas tratativas, jornalistas e sindicato apelaram para a mobilização paredista. O Sindicato da categoria informa que segue aberto à negociação caso a empresa apresente propostas concretas”, diz nota do SJSP.

Avatar de Plinio Teodoro

Plinio Teodoro

Jornalista, editor de Política da Fórum, especialista em comunicação e relações humanas.

Em 2021, escolha a Fórum.

Fazer jornalismo comprometido com os direitos humanos e uma perspectiva de justiça social exige apoio dos leitores. Porque se depender do mercado e da publicidade oficial de governos liberais esses projetos serão eliminados. Eles têm lado e sabem muito bem quem devem apoiar.

Por isso, neste momento que você está renovando suas escolhas e está pensando em qual site apoiar, que tal escolher a Fórum?

Se fizer isso, além de garantir tranquilidade para o nosso trabalho, você terá descontos de no mínimo 50% nos cursos que já temos em nossa plataforma do Fórum Educação.

Renato Rovai
Editor da Revista Fórum

APOIAR