quinta-feira, 29 out 2020
Publicidade

Jornal Nacional desmonta Fake News de Bolsonaro sobre auxílio emergencial na ONU

O telejornal ainda destacou críticas de parlamentares de oposição, ambientalistas e médicos

O Jornal Nacional, da TV Globo, desta terça-feira (22) expôs críticas ao discurso do presidente Jair Bolsonaro feito na Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas e destacou que não é verdadeira a informação de que o auxílio emergencial pago pelo governo foi de mil dólares.

“Bolsonaro exagerou no número pago aos beneficiários. A quantia básica entre abril e agosto foi de R$ 600. A partir de setembro houve redução para R$ 300. O total previsto é de R$ 4.200 até dezembro para quem receber todas as parcelas. Pela cotação do dólar, o valor citado em reais seria de R$ 5.470”, destacou a jornalista Delis Ortiz, que conduziu a reportagem.

Na ONU, o presidente disse que pagou auxílio de “1 mil dólares para 65 milhões de famílias”. Ortiz apontou que o valor de mil dólares só pode ser atingido pelas mulheres solteiras mães de família que receberam o benefício de R$1.200 desde o início.

O telejornal ainda repercutiu críticas de parlamentares de oposição – deputada Perpétua Almeida, líder do PCdoB na Câmara, e Rogério Carvalho, líder do PT no Senado -, do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (CONASS), pesquisadores e entidades ambientalistas.

“Como um roteiro de ficção, o discurso uniu palavras-chave das Nações Unidas com descrições de um Brasil que não existiu em 2020, em completo negacionismo da realidade do país”, disse Gabriela Yamaguchi, diretora de Sociedade Engajada do WWF-Brasil.

Lucas Rocha
Lucas Rocha
Jornalista da Sucursal do Rio de Janeiro da Fórum.