terça-feira, 27 out 2020
Publicidade

Jornal Nacional destaca acusação de Frota contra Eduardo e Carlos Bolsonaro por Fake News

"É possível afirmar que Eduardo Bolsonaro estava relacionado com orientação, determinação e divulgação [de fake news]", disse o deputado em trecho de depoimento à PF

O Jornal Nacional, da TV Globo, deu destaque nesta terça-feira (6) às informações apresentadas à Polícia Federal pelo deputado federal Alexandre Frota (PSDB-SP) contra o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) e o vereador Carlos Bolsonaro (Republicanos-RJ).

“O deputado federal Alexandre Frota acusa de envolvimento com a disseminação de fake news o também deputado Eduardo Bolsonaro e o vereador Carlos Bolsonaro”, disse a apresentadora Renata Vasconcellos na abertura do telejornal.

A reportagem, conduzida por Camila Bomfim, exibiu trechos do depoimento de Frota no inquérito que investiga atos antidemocráticos. À PF ele apresentou documentos que teriam sido descobertos pela CPMI das Fake News e que relacionariam endereços eletrônicos de computadores de Eduardo Bolsonaro com disparos de mensagens falsas.

“É possível afirmar que Eduardo Bolsonaro estava relacionado com orientação, determinação e divulgação [de fake news] em razão da identificação do uso de computadores ligados com o mesmo e-mail cadastrado em nome de Eduardo Nantes Bolsonaro”, afirmou o parlamentar em trecho de depoimento exibido pelo JN.

O telejornal ainda destacou que o parlamentar acusou Carlos Bolsonaro de estar envolvido na disseminação de fake news e na convocação de atos antidemocráticos. Segundo Frota, essas duas frentes foram alimentada pelo chamado Gabinete do Ódio. O deputado afirmou no depoimento que o gabinete atuava “para incitar animosidade das Forças Armadas contra o STF ou o Congresso Nacional, dirigidas a tentar impedir, o livre exercício de qualquer dos Poderes”.

Lucas Rocha
Lucas Rocha
Jornalista da Sucursal do Rio de Janeiro da Fórum.