Libertadores: SBT faz o triplo de audiência da Globo e atinge maior marca desde 2002

Emissora de Silvio Santos garantiu preferência do público ao transmitir a final entre Flamengo e Palmeiras

O SBT, com a transmissão do jogo da final entre Flamengo e Palmeiras pela Copa Libertadores da América, no último sábado (27), conseguiu superar a Globo em audiência.

Segundo medição do Kantar IBOPE Media, o jogo que rendeu ao Palmeiras o tricampeonato da Libertadores trouxe ao SBT índice médio de 27,3 pontos de audiência na Grande São Paulo durante a transmissão.

O número representa praticamente o triplo da audiência registrada pela Globo no horário, que foi de 9,3 pontos. Nesta faixa de horário, a emissora transmitiu o “Caldeirão” com Marcos Mion, uma novela e um jornal.

Além disso, trata-se do maior pico de audiência do SBT desde 2002. À época, a emissora marcou 28 pontos de audiência, no dia 21 de julho daquele ano, durante um programa de Silvio Santos.

Globo “barrada” na final da Libertadores

Os jornalistas da TV Globo  foram proibidos de entrar no Estádio Centenário, em Montevidéu, no Uruguai, no dia da decisão da Libertadores, entre Palmeiras Flamengo.

A medida foi uma punição imposta à emissora pela Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol), por ter “pirateado” uma coletiva do técnico palmeirense, o português Abel Ferreira, durante as semifinais da competição, no dia 28 de setembro.

A entrevista foi transmitida no programa Troca de Passes, do SporTV, canal que pertence à Globo. Por isso, a emissora da família Marinho não teve credencial aprovada para a decisão da Libertadores e, também, para a final da Copa Sul-Americana, entre Athletico-PR x Red Bull Bragantino, no último final de semana anterior.

Publicidade

Avatar de Ivan Longo

Ivan Longo

Jornalista, editor de Política, desde 2014 na revista Fórum. Formado pela Faculdade Cásper Líbero (SP). Twitter @ivanlongo_