Imprensa livre e independente
17 de maio de 2019, 22h14

Milhares tomam as ruas de BH em ato antimanicomial

Objetivo é fazer frente contra políticas e instituições que incentivam ou usam da internação forçada, prisões e outras maneiras consideradas ultrapassadas para lidar com aqueles que sofrem de transtornos mentais

Foto: NINJA
Milhares de pessoas tomaram as ruas de Belo Horizonte (MG), nesta sexta-feira (17), em um ato para marcar o Dia Nacional da Luta Antimanicomial, comemorado em 18 de maio. O objetivo da manifestação, composta por pacientes, familiares e funcionários de instituições que trabalham com saúde mental, foi protestar contra  prisões, internações ou qualquer tipo de tratamento que reproduza a lógica ultrapassada dos manicômios. Leia também Texto do Ministério da Saúde prega eletrochoque e internação de criança em hospital psiquiátrico Acompanhados da escola de samba “Liberdade Ainda Que Tam Tam”, os manifestantes saíram por volta das 14h da Praça da Liberdade e seguiram...

Milhares de pessoas tomaram as ruas de Belo Horizonte (MG), nesta sexta-feira (17), em um ato para marcar o Dia Nacional da Luta Antimanicomial, comemorado em 18 de maio.

O objetivo da manifestação, composta por pacientes, familiares e funcionários de instituições que trabalham com saúde mental, foi protestar contra  prisões, internações ou qualquer tipo de tratamento que reproduza a lógica ultrapassada dos manicômios.

Leia também
Texto do Ministério da Saúde prega eletrochoque e internação de criança em hospital psiquiátrico

Acompanhados da escola de samba “Liberdade Ainda Que Tam Tam”, os manifestantes saíram por volta das 14h da Praça da Liberdade e seguiram em marcha até a Praça da Estação, no centro da capital mineira.

O lema do ato este ano foi “Direito às diversas gentes: de mãos dadas contracorrentes”.

Confira, abaixo, algumas imagens registradas pela Mídia Ninja.

Veja também:  Pai bolsonarista ataca e expõe filha médica em redes sociais porque ela apoiou Haddad

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum