Imprensa livre e independente
09 de janeiro de 2018, 09h17

Movimentos sociais vão à Paulista no dia do julgamento de Lula. MBL foge

O grupo de direita decidiu transferir a sua manifestação para outro lugar. Lula é aguardado no local

O grupo de direita decidiu transferir a sua manifestação para outro lugar. Lula é aguardado no local Da Redação* O MBL (Movimento Brasil Livre) descartou a ideia de fazer na avenida Paulista um ato no dia 24, quando será julgado o recurso de Lula. Ajude a Fórum a fazer a cobertura do julgamento do Lula. Clique aqui e saiba mais. Favorável à confirmação da condenação do petista, o grupo decidiu transferir a manifestação para outro lugar. O motivo alegado foi de que a manifestação prejudicaria o trânsito na via em dia útil. Os motivos, no entanto, podem ser outros. O PT,...

O grupo de direita decidiu transferir a sua manifestação para outro lugar. Lula é aguardado no local

Da Redação*

O MBL (Movimento Brasil Livre) descartou a ideia de fazer na avenida Paulista um ato no dia 24, quando será julgado o recurso de Lula.

Ajude a Fórum a fazer a cobertura do julgamento do Lula. Clique aqui e saiba mais.

Favorável à confirmação da condenação do petista, o grupo decidiu transferir a manifestação para outro lugar. O motivo alegado foi de que a manifestação prejudicaria o trânsito na via em dia útil.

Os motivos, no entanto, podem ser outros. O PT, a Frente Brasil Popular e os movimentos sociais estão convocando militantes para se concentrarem na altura do Masp a partir do fim da tarde.

Lula é aguardado.

*Com informações da coluna de Monica Bergamo

Foto: Ricardo Stuckert/ Instituto Lula

Veja também:  Depois de Villa e Sheherazade, Paulo Henrique Amorim é a nova vítima de governo Bolsonaro

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum