Fórum Educação
09 de Maio de 2020, 10h11

Brasília já registra movimentações para a marcha golpista que promete invadir o STF

Apoiadores de Bolsonaro chegaram a montar um acampamento paramilitar que prega o extermínio da esquerda e uma intervenção militar em defesa do presidente

Reprodução/Twitter

O jornalista Leonardo Attuch, editor do site Brasil 247, informou através de seu Twitter, na manhã deste sábado (9), que a Esplanada dos Ministérios, em Brasília, já registra movimentações da marcha golpista programada por apoiadores de Jair Bolsonaro para este final de semana.

“Relatos que chegam agora cedo de Brasilia apontam que a Esplanada dos Ministérios já está preparada para a marcha fascista. Carros de som, trios elétricos e concentrações de manifestantes que pretendem marchar até o STF. Veremos o que farão as polícias…”, escreveu Attuch.

A marcha, organizada principalmente através das redes sociais, faz parte da onda de manifestações que têm acontecido, muitas delas com a participação do próprio Bolsonaro, que pregam, além do fim da quarentena, o fechamento de instituições, como o Supremo Tribunal Federal (STF), além de uma intervenção militar em defesa do presidente.

A marcha deste final de semana tem como um de seus motes a invasão do prédio do STF.

Ao longo da semana, vídeos de apoiadores de Bolsonaro ameaçando os ministros do STF e pregando a morte de “comunistas” se espalharam pelas redes. Tudo isso em meio a um acampamento que foi montado em Brasília e que consiste em um grupo paramilitar que prega, entre outras coisas, o “extermínio da esquerda”.

Uma das lideranças desse acampamento é Sara Winter, “ex-feminista” que defende bandeiras neonazistas.

Na manhã deste sábado (9), o ex-deputado Roberto Jefferson, que se aliou a Bolsonaro para negociar cargos entre o governo e o centrão no Congresso, postou uma foto com uma arma dizendo que está pronto para “combater” os comunistas.

Na sexta-feira (8), o ministro Alexandre de Moraes autorizou investigação solicitada pela Procuradoria-Geral da República (PGR) contra grupos anti-democráticos que protestam contra o STF e o Congresso em Brasília.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum