Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
10 de janeiro de 2020, 21h13

Casa de Papel: Trabalhadores brasileiros ocupam a Casa da Moeda

Relatos são de que os diretores se trancaram em suas salas em meio à revolta dos trabalhadores que, sob a ameaça de perder direitos e até mesmo o emprego, ocupam a sede das instituição desde o início da tarde desta sexta-feira (10)

Foto: Gabe Dalavigne

Uma grande mobilização de servidores tomou a Casa da Moeda nesta sexta-feira (10) contra o sucateamento da empresa pública que está no pacote de privatização do ministro da Economia, Paulo Guedes. A manifestação acontece desde às 15h após uma entrevista concedida pelo diretor da instituição, Fábio Rito, que disse que seria necessário promover cortes para “tornar a empresa competitiva”..

“Hoje, após uma entrevista MENTIROSA dada ao Globo News pelo Diretor Fábio Rito, os trabalhadores se revoltaram e foram se manifestar”, declarou a usuária do Twitter Gabe Dalavigna, que fez uma sequência de tuítes relatando o que está acontecendo na Casa da Moeda.

Ela ainda relatou alguns dos ataques sofridos pelos funcionários. “As modificações feitas em relação aos trabalhadores são comunicadas APÓS o expediente do trabalhador, para não ter possibilidade de manifestações por parte dos mesmos, por causa disso, muitos estão com medo de dormir e acordar sem mais algum direito ou até mesmo sem o emprego”, tuitou.

“O que provocou a revolta? Eles tiram nossa insalubridade em cima do piso da casa. Tiram nosso vale alimentação. Tiram nosso cartão remédio. Aumentam o plano de saúde em 75% para os dependentes. Tiram a creche. Tudo isso já é motivo suficiente para nos revoltarmos e ainda ouvir um diretor falar que tem que privatizar?  Aí não dá!”, relatou um moedeiro.

De acordo com relatos, a diretoria da Casa da Moeda chamou a polícia, mas os trabalhadores permanecem no local. Eles afirmam que só deixarão o prédio com a renúncia de Rito e o retorno dos direitos.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum