Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
09 de Maio de 2019, 22h34

Federação Única dos Petroleiros (FUP) reafirma apoio à Greve Nacional da Educação

Coordenador da Fundação Única dos Petroleiros, José Maria Rangel denuncia que, ao priorizar o setor financeiro, a produção de petróleo da Petrobras vem caindo sistematicamente e ameaçando a soberania brasileira; "Dia 15 estaremos com os profissionais da Educação fazendo uma luta que deve ser a luta de todos"

Em vídeo divulgado nesta quinta-feira (9), o coordenador da Fundação Única dos Petroleiros (FUP), José Maria Rangel, denunciou o demonte que vem sendo promovido na Petrobras pela atual administração e reafirmou o apoio de sua categoria à Greve Nacional da Educação, que acontecerá no próximo dia 15 contra os cortes anunciados pelo governo nas verbas destinas à universidades e institutos federais.

Conforme discutido no último programa Fórum Sindical, a perda de autonomia que vem sendo imposta à Petrobras  pelas últimas e a atual gestão da empresa está totalmente relacionada ao desmonte da educação pública, visto que parte dos recursos do petróleo deveriam ser destinados à área.

“A produção de petróleo vem caindo sistematicamente desde o primeiro trimestre de 2017. Isso é fruto da queda rutal nos investimentos que a companhia tem feito nesse segmento. Ela está priorizando carrear dinheiro para o setor financeiro”, denunciou Rangel, que explicou ainda que a atual política de preços de derivados “penaliza a sociedade e favorece os acionistas”.

“A atual administração da Petrobras quer acabar com a nossa empresa, e temos que lutar para manter a Petrobras como uma empresa integrada de Petróleo”, pontuou.

“Estaremos dia 15 com os profissionais da Educação fazendo uma luta que deve ser a luta de todos, em defesa da educação pública de qualidade, contra a reforma da Previdência e em defesa da soberania”, completou.

Assista.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum