terça-feira, 29 set 2020
Publicidade

MST é maior produtor de arroz orgânico da América Latina

A safra de arroz orgânico do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) no Rio Grande do Sul deve ser a maior da América Latina, segundo o Instituto Rio Grandense do Arroz (Irga). A colheita iniciou no sábado (22), no Assentamento Filhos de Sepé, em Viamão, região Metropolitana de Porto Alegre.

Segundo o Grupo Gestor do Arroz Agroecológico do MST, a produção abrange 14 assentamentos da Reforma Agrária, situados em 11 municípios do Rio Grande do Sul.

Nos 3.215 hectares cultivados, a estimativa é colher mais de 300 mil sacas de arroz. O cultivo ocorre em sistema pré-germinado, e é fruto do trabalho de 364 famílias. Esses dados tornam o MST o maior produtor de arroz orgânico da América Latina.

A região metropolitana de Porto Alegre é onde se produz a maior quantidade do alimento, que é livre de agrotóxicos. A maior área plantada é o Assentamento Filhos de Sepé, com 1.150 hectares e 124 famílias envolvidas. Lá, a estimativa da colheita é de 100 mil sacas.

No dia 20 de março, será realizada a 17ª Festa da Colheita do Arroz Agroecológico, que acontecerá no no Assentamento Capela, em Nova Santa Rita. Um dos confirmados no evento é o ex-presidente Lula.

Redação
Redação
Direto da Redação da Revista Fórum.