“Muitíssimo arrependida”, diz advogada que culpa “doença” por ataque homofóbico em padaria de SP

Lidiane Biezok diz ainda que mobilizou um grupo de advogados para lidar com o caso e entrar com processo contra "ameaças, mentiras" das quais tem sido vítima

Em entrevista a João Ker, na edição desta terça-feira (24) do Estado de S.Paulo, a advogada Lidiane Brandão Biezok disse estar “muitíssimo arrependida” do ataque homofóbico e contra funcionários da padaria Dona Deôla, em São Paulo, na última sexta-feira (20).

Leia também: Mulher que fez ataque homofóbico em padaria de SP já foi presa furtando roupas da Zara

“Estou muito, muitíssimo arrependida. Gostaria muito de pedir desculpas pelo surto que tive, mas infelizmente sou uma pessoa doente”, disse ela, que alega tomar remédios para depressão, bipolaridade e síndrome do pânico há 20 anos, mas as doenças “não têm cura e os medicamentos não estão funcionando mais”.

No ataque, Lidiane agrediu fisicamente o artista Ricardo Boni Gattai Siffert, além de destilar insultos homofóbicos. “Sabe o que você traz? Aids. Sabe o que você traz? Câncer”, disse.

Ao jornal, Lidiane diz ainda que mobilizou um grupo de advogados para lidar com o caso e entrar com processo contra “ameaças, mentiras” das quais tem sido vítima.

“Estou recebendo muita ameaças, mentiras, e agora vai começar a entrar processo contra esses grupos”, disse, sem detalhar quais seriam as ameaças.

Lidiane chegou a ser presa após o ataque homofóbico, mas conseguiu autorização judicial para prisão domiciliar.

Avatar de Plinio Teodoro

Plinio Teodoro

Jornalista, editor de Política da Fórum, especialista em comunicação e relações humanas.

Em 2021, escolha a Fórum.

Todos os dias Fórum publica de 80 a 100 matérias desde às 6h da manhã até à meia-noite. São 18h de textos inéditos feitos pela equipe de 10 jornalistas da redação e também por mais de três dezenas de colaboradores eventuais.

E ainda temos 3 programas diários no YouTube. O Fórum Café, com Cris Coghi e Plínio Teodoro, o Fórum Onze e Meia, com Dri Delorenzo e este editor, e o Jornal da Fórum, com Cynara Menezes. Além de vários outros programas semanais, como o Fórum Sindical, apresentado pela Maria Frô.

Tudo envolve custos. E é uma luta constante manter este projeto com a seriedade e a qualidade que nos propomos.

Por isso, neste momento que você está renovando suas escolhas e está pensando em qual site apoiar neste ano, que tal escolher a Fórum?

Se fizer isso, além de garantir tranquilidade para o nosso trabalho, você terá descontos de no mínimo 50% nos cursos que já temos em nossa plataforma do Fórum Educação.

É fácil. Clique em apoiar e escolha a melhor forma de escolher a Fórum em 2021.

Renato Rovai
Editor da Revista Fórum

APOIAR