OAB critica em nota grupo de juízes que diz que racismo é “infiltração ideológica”

"O debate sobre o racismo estrutural não pode ser reduzido a uma 'pauta ideológica'. Trata-se de uma pauta humanística, fundamental para o exercício da nobre (e difícil) missão de julgar os semelhantes", diz a OAB-PE

Em nota divulgada nesta segunda-feira (23), a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), seccional de Pernambuco, criticou o grupo de 34 juízes que assinaram um manifesto contra cursos antirracistas promovido pela Associação dos Magistrados do Estado de Pernambuco (Amepe). Os magistrados classificam o movimento antirracista uma “infiltração ideológica” no documento.

Ao menos 4 juízes deixaram a associação, que promoveu o curso online “Racismo e suas Percepções na Pandemia” e distribuiu a cartilha “Racismo em Palavras”, com termos preconceituosas muitas vezes usados em documentos oficiais do judiciário.

“O debate sobre o racismo estrutural não pode ser reduzido a uma ‘pauta ideológica’. Trata-se de uma pauta humanística, fundamental para o exercício da nobre (e difícil) missão de julgar os semelhantes”, diz a nota da OAB-PE.

Para a associação de advogados, o tema deve ser discutido em todos os ambientes “visando a eliminação de toda e qualquer forma de discriminação”.

“Entendemos que a questão do racismo deve ser discutida em todos os ambientes e sempre que necessário. Somente trazendo o tema à tona é que poderemos combatê-lo, nos valendo do lema que intitula livro da professora Robin DiAngelo: “Não basta não ser racista – Sejamos antirracistas”, diz o texto.

Leia a nota na íntegra

Nota Pública – sobre a manifestação de um grupo de juízes quanto à realização de eventos antirracistas pela Amepe

A Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional de Pernambuco, por meio da sua Diretoria, em respeito à sua missão de defensora dos valores constitucionais, vem a público expressar a sua preocupação com um manifesto, subscrito por 34 magistrados(as) e divulgado pela imprensa, onde se critica a promoção, pela Associação dos Magistrados de Pernambuco (AMEPE), do curso online “Racismo e suas Percepções na Pandemia” e da publicação da cartilha “Racismo em Palavras”, voltados para a magistratura, sob o fundamento de que ditas atitudes importam em apoio a “correntes ideológicas”.

O debate sobre o racismo estrutural não pode ser reduzido a uma “pauta ideológica”. Trata-se de uma pauta humanística, fundamental para o exercício da nobre (e difícil) missão de julgar os semelhantes.

Entendemos que a questão do racismo deve ser discutida em todos os ambientes e sempre que necessário. Somente trazendo o tema à tona é que poderemos combatê-lo, nos valendo do lema que intitula livro da professora Robin DiAngelo: “Não basta não ser racista – Sejamos antirracistas”.

Desta forma, a OAB/PE manifesta o seu apoio à promoção de eventos com a pauta antirracista pela AMEPE e, ao mesmo tempo, conclama toda a comunidade jurídica ao debate da pauta em tela visando a eliminação de toda e qualquer forma de discriminação, colocando-se à disposição para a promoção de ações conjuntas de combate ao racismo estrutural.

Recife/PE, 22 de novembro de 2020.

DIRETORIA DA OAB-PE

Avatar de Plinio Teodoro

Plinio Teodoro

Jornalista, editor de Política da Fórum, especialista em comunicação e relações humanas.

Em 2021, escolha a Fórum.

Todos os dias Fórum publica de 80 a 100 matérias desde às 6h da manhã até à meia-noite. São 18h de textos inéditos feitos pela equipe de 10 jornalistas da redação e também por mais de três dezenas de colaboradores eventuais.

E ainda temos 3 programas diários no YouTube. O Fórum Café, com Cris Coghi e Plínio Teodoro, o Fórum Onze e Meia, com Dri Delorenzo e este editor, e o Jornal da Fórum, com Cynara Menezes. Além de vários outros programas semanais, como o Fórum Sindical, apresentado pela Maria Frô.

Tudo envolve custos. E é uma luta constante manter este projeto com a seriedade e a qualidade que nos propomos.

Por isso, neste momento que você está renovando suas escolhas e está pensando em qual site apoiar neste ano, que tal escolher a Fórum?

Se fizer isso, além de garantir tranquilidade para o nosso trabalho, você terá descontos de no mínimo 50% nos cursos que já temos em nossa plataforma do Fórum Educação.

É fácil. Clique em apoiar e escolha a melhor forma de escolher a Fórum em 2021.

Renato Rovai
Editor da Revista Fórum

APOIAR