Panelaços contra Bolsonaro voltam com força após ameaça de demissão de Mandetta

Desde o início da tarde, diversas cidades registraram manifestações contra o presidente nas janelas

O recuo do presidente Jair Bolsonaro com relação à demissão do ministro da Saúde, Henrique Mandetta, não foi capaz de evitar o barulho das panelas na noite desta segunda-feira (6).

Panelaços foram registrados desde o início da tarde, quando eram fortes os rumores de que o presidente exoneraria Mandetta para colocar o deputado federal Osmar Terra (MDB-RS) – contrário ao isolamento social.

Por volta das 20h, quando foi confirmada a permanência do chefe do Ministério da Saúde após reunião do gabinete ministerial, o barulho se intensificou. A exoneração que seria publicada em edição extra do Diário Oficial não veio.

Mesmo assim, o grito de “Fora Bolsonaro” pôde ser ouvido na no noite desta segunda-feira. O presidente segue defendendo o fim do isolamento social.

Desde o início da quarentena em razão da pandemia de covid-19, a população tem se organizado para fazer panelaços durante o horário contra o presidente.

Veja alguns vídeos:

Avatar de Redação

Redação

Direto da Redação da Revista Fórum.

Você pode estar junto nesta luta

Fórum é um dos meios de comunicação mais importantes da história da mídia alternativa brasileira e latino-americana. Fazemos jornalismo há 20 anos com compromisso social. Nascemos no Fórum Social Mundial de 2001. Somos parte da resistência contra o neoliberalismo. Você pode fazer parte desta história apoiando nosso jornalismo.

APOIAR