Fórum Educação
16 de janeiro de 2020, 20h34

PM dispara spray de pimenta na boca de manifestante durante ato do Passe Livre em SP

Presentes relatam que a polícia não queria deixar a manifestação andar e fez uso de força bruta, prendendo manifestantes aleatoriamente

Foto: Centro de Mídia Independente - São Paulo

No terceiro ato contra o aumento da tarifa dos transportes públicos em São Paulo, que aconteceu nesta quinta-feira (16), integrantes do Movimento Passe Livre (MPL) foram agredidos e detidos.

Andreza Delgado, militante do movimento e organizadora da PerifaCon, relatou em grupo de Whatsapp ter levado spray de pimenta dentro da boca antes de ser presa e levada para a 2ª Delegacia de Polícia, na Consolação.

 

De acordo com relatos, a PM não queria nem deixar a manifestação sair e, ao falharem em impedir, atacou e prendeu manifestantes aleatórios, que foram mantidos na frente da Secretaria Estadual de Educação até que chegassem as viaturas. Os policiais não explicaram o motivo das detenções.

Advogados da Comissão de Direitos Humanos da OAB e do Sindicato dos Advogados de SP estão acompanhando desde o início e se encontram na DP onde estão detidos os manifestantes.

Confira as imagens do Centro de Mídia Independente (CMI).

Notícias relacionadas


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum