Imprensa livre e independente
26 de março de 2019, 20h11

MPF pede à Justiça Federal para tornar Temer réu no caso da mala com R$ 500 mil

Em 2017, o emedebista foi denunciado pela Procuradoria Geral da República (PGR), quando seu então assessor, Rocha Loures, foi flagrado recebendo uma mala com R$ 500 mil de um representante da J&F

Foto: J. Batista/Agência Câmara
Apesar de ter deixado a prisão nesta segunda-feira (25), a situação de Michel Temer pode piorar. O Ministério Público Federal (MPF), em Brasília, decidiu pedir à Justiça Federal, nesta terça-feira (26), para tornar o emedebista réu em uma ação penal. Quando ainda estava cumprindo mandato, Temer foi denunciado, em 2017, pela Procuradoria Geral da República (PGR), no caso em que seu então assessor especial, Rodrigo Rocha Loures, foi flagrado pela Polícia Federal recebendo uma mala com R$ 500 mil de um representante da J&F. De acordo com a denúncia, o dinheiro era propina da empresa para o grupo político de...

Apesar de ter deixado a prisão nesta segunda-feira (25), a situação de Michel Temer pode piorar. O Ministério Público Federal (MPF), em Brasília, decidiu pedir à Justiça Federal, nesta terça-feira (26), para tornar o emedebista réu em uma ação penal.

Quando ainda estava cumprindo mandato, Temer foi denunciado, em 2017, pela Procuradoria Geral da República (PGR), no caso em que seu então assessor especial, Rodrigo Rocha Loures, foi flagrado pela Polícia Federal recebendo uma mala com R$ 500 mil de um representante da J&F.

De acordo com a denúncia, o dinheiro era propina da empresa para o grupo político de Temer.

Após a denúncia da PGR, a Câmara dos Deputados analisou o caso e rejeitou a continuidade do processo para o Supremo Tribunal Federal (STF).

Depois disso, a denúncia ficou parada na Justiça. Com a perda do foro privilegiado de Temer, o caso foi para a Justiça Federal de Brasília.

Nossa sucursal em Brasília já está em ação. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Saiba mais.

Veja também:  Luciano Huck, patrocinador de Tabata Amaral, sai em sua defesa

Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum