Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
17 de fevereiro de 2020, 14h37

Em vídeo, garota expõe assédio de Uber: Eu faria coisas que seu pai não faz

A jovem chegou a revelar que era menor de idade para tentar frear as insinuações sexuais do motorista, mas seguiu sendo assediada

A adolescente Carolina B., de 17 anos, publicou um vídeo nas redes sociais expondo uma situação de assédio sexual que passou durante viagem por meio de aplicativo da Uber em Porto Alegre. O motorista, identificado como André, já foi denunciado à empresa.

Claramente desconfortável, a garota tenta desconversar em meio às insinuações sexuais feitas pelo motorista. No primeiro vídeo postado, Carolina questiona “você não vê problema a idade? eu sou menor de idade”, mas nem isso impediu que o assédio continuasse.

“Não é problema igual. Seria um problema se tu tivesse 13 anos. Eu acho que tu não tem 13 anos. Aí seria uma menor incapaz. De 14 anos para cima tu já é responsável”, disse o motorista.

Em dado momento ele fala “eu não arrego contigo se você não tivesse namorado” e, após a jovem dizer “você tem idade para ser meu pai”, Carlos diz que “eu faria coisas que seu pai não faria, pode ter certeza”.

Assista:


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum